Fatos sobre meningite espinhal

Escrito por china zmuida | Traduzido por marina villar
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Fatos sobre meningite espinhal
A menignite é mais facilmente contraída por crianças e idosos (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

A meningite espinhal é uma forma de meningite como resultado de infecção viral ou bacteriana. Se infectado, o fluido espinhal dentro da medula e o fluido dentro do cérebro tornam-se suscetíveis ao dano. Se a meningite for causada por um vírus, a doença e o tratamento serão menos severos. De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças, a meningite bacteriana pode resultar em dano cerebral, perda da audição ou deficiência no aprendizado. Se infectado com a meningite bacteriana, a bactéria pode migrar pela corrente sanguínea e causar a destruição da medula espinhal ou cérebro.

Outras pessoas estão lendo

Sintomas

A Mayo Clinic afirma que indivíduos que são infectados com a meningite com frequência confundem os sintomas com uma gripe. Os sintomas precoces podem incluir febre, erupções pelo corpo e dor de cabeça. Você pode ter náusea ou vômito e sono ou dificuldade para acordar. É importante que procure por ajuda médica, se tiver uma criança com esses sintomas e que pareça confusa e não consiga manter o foco dos olhos. Recém-nascidos podem chorar excessivamente e ter desconfortos. Podem se recusar a comer, ter inchaço em alguma parte do corpo ou ficar rígido.

Riscos

Crianças e idosos são suscetíveis a contrair meningite. De acordo com a Mayo Clinic, a meningite bacteriana geralmente afeta aqueles que com 15 meses e 25 anos. Em áreas onde a meningite é rapidamente espalhada, como em dormitórios, escolas e hospitais, a infecção pode ocorrer. Pessoas com um sistema imunológico comprometido, como com HIV ou AIDS, têm maior probabilidade de contrair meningite bacteriana. A gravidez e o trabalho com animais podem levar ao risco de contrair listeria ou listeriose (bactérias), que podem resultar em meningite.

Contágio

A meningite é muito contagiosa. Estar próximo de alguém infectado com meningite pode levar à infecção. A meningite pode ser espalhada através de fluidos corporais, mas não por contato causal. Em outras palavras, se passou por alguém que estava infectado, não é provável que pegue o vírus. Se viveu na mesma casa de uma pessoa infectada, suas probabilidades de pegar o vírus podem aumentar, pois você teve contato constante com essa pessoa.

Complicações

Se não for tratada, severas complicações podem ocorres. Convulsões e dano cerebral permanente podem ser resultados da meningite bacteriana. Perda de audição, cegueira, perda de membros e perda da fala são também comuns. Se uma criança contrair meningite, ela pode sofrer com deficiência no aprendizado, problemas de comportamento, dano cerebral e paralisia, como resultado da infecção no cérebro. Devido a idosos e crianças serem mais suscetíveis aos efeitos da doença, o tratamento rápido é necessário para evitar o choque ou até mesmo a morte.

Tratamento

Dependendo do tipo de infecção, diferentes medidas precisam ser tomadas para o tratamento. No caso de infecção bacteriana, antibióticos serão necessários. Em caso de crianças, se o inchaço no cérebro for severo, a drenagem no cérebro pode ser requerida, para evitar o choque. Com a meningite viral, não há cura por antibióticos. Como se fosse uma gripe, você precisará de descanso e medicamentos como Tylenol, para ajudar a aliviar as dores no corpo.

Prevenção/solução

As crianças geralmente são vacinadas com o que é conhecida por vacina HiB. Isso pode ajudar a prevenir que contraia a meningite. Sempre lave as mãos com água morna e sabão depois de tocar superfícies em locais públicos ou sempre que for ao zoológico com seu filho. Quando estiver grávida, nunca coma carne que não esteja bem cozida ou peixe cru, para que diminua as chances de entrar em contato com a listeriose. Sempre coma alimentos completamente cozidos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível