Jogos romanos usados por crianças romanas

Escrito por jamie wilson | Traduzido por lucas alex rhossard
Jogos romanos usados por crianças romanas
Existem poucos registros de brincadeiras da Roma antiga (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

Porque os escritores da época raramente retratavam atividades comuns, nosso conhecimento sobre os jogos infantis da Roma antiga vem principalmente da arte e artefatos. Esconde-esconde e pula carniça são reproduzidos em obras de arte romana e arqueologistas encontraram bambolês, bonecas e cordas de pular tanto na arte como em escavações. No entanto, existem poucos jogos que eram exclusivos da Roma antiga.

Bugalha

Os romanos usavam ossos de tornozelos de cabras ou ovelhas como bugalhas, ferramentas de jogos ou apostas similares aos dados atuais. Esses ossos tinham quatro lados diferentes. A versão infantil era jogada com um jogador lançando um osso para cima e tentando pegar todos os outros ossos do chão antes de pegar o que está no ar com a mesma mão.

Jogos de tabuleiro

Arqueólogos às vezes encontram o formato de grade raspado no chão de casas escavadas, e obras de arte romanas mostram jogos de tabuleiro usando essas grades. As regras se perderam com o tempo, mas pedras de cores diferentes ou pedaços de grama eram usados de uma maneira similar ao xadrez hoje.

Par ou ímpar, ou Micatio

O micatio (ou micatio digitorum) era comum e popular, provavelmente porque não exigia muitas coisas. Os jogadores ficam em círculo e se preparam para mostrarem uma das mãos exibindo de um a cinco dedos; ao mesmo tempo eles gritam se o valor da soma será par ou ímpar. Outra variação permite que os jogadores segurem uma quantidade de pedras na mão em vez de mostrarem os dedos. O micatio era usado muitas vezes como um jogo de aposta, com o valor sendo determinado pela soma de dedos ou rochas.

Jogos de dado e aposta

De acordo com Lionel Casson no livro Dia a dia da Roma antiga, até as crianças participavam de jogos de aposta. Isso incluía dados, micatio e cleromancia e a recém mencionada bugalha.

Tali, ou bugalha, jogada como jogo de azar tinha regras complexas. Os jogadores jogavam quatro ossos e ganhavam pontos baseado em qual dos quatro lados estava virado para cima. Em outra variação, um jogador lançava seus ossos um de cada vez em uma jarra de vidro com a boca pequena. Apenas as peças que caíam dentro da jarra poderiam ser contadas.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível