Lesões do ligamento suspensor em cavalos

Escrito por jane meggitt Google | Traduzido por etelvina siegel
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Lesões do ligamento suspensor em cavalos
Lesões do ligamento suspensor são comuns em cavalos de corrida (race horses image by Clarence Alford from Fotolia.com)

Os atletas equinos são mais suscetíveis a lesões do ligamento suspensor do que cavalos sedentários. Lesões do ligamento suspensor geralmente são causadas pela velocidade e cansaço. Embora a lesão seja sempre considerada grave, o que determina se é caso para terminar a carreira ou não é o local do rasgo ou colapso no ligamento. Andar a trote pode ser um fator de predisposição, portanto trabalhe com um bom ferrador para se certificar que os cascos do seu cavalo estão em boas condições. Para evitar lesões do ligamento suspensor, tenha a certeza que os seus cavalos estão preparados para o trabalho que vai requerer deles.

Outras pessoas estão lendo

Ligamento suspensor

O ligamento suspensor funciona como uma ligadura elástica, mantendo o topete no lugar quando o cavalo coloca peso nas suas pernas. Está localizado entre o osso de canhão e os tendões percutores. Lesões no ligamento suspensor podem ocorrer na parte frontal ou traseira da perna. O tecido de cicatrização nos ligamentos curados não é tão forte quanto o tecido normal.

Sinais de lesão no ligamento suspensor

Embora alguns cavalos com lesões do ligamento suspensor fiquem coxos de três pernas, outros exibem sinais mais sutis. Cavalos que as vezes aparentam mancar mas sem inchaço na perna podem ter lesões do ligamento suspensor. Outros sinais são uma óbvia coxeadura quando em situações de descer, ou quando troteiam em círculo, com a perna lesionada no lado exterior. Os diagnósticos começam com bloqueamento de nervos para determinar a localização da lesão. Se o ligamento suspensor estiver envolvido, um ultra-som mostrará o rasgo ocorrido no ligamento, e o veterinário e dono podem discutir as opções de tratamento adequadas.

Tratamento

Para as lesões do ligamento suspensor é necessário tempo. Os cavalos precisam de descanso e tempo para sarar, por vezes até um ano. O reaparecimento após a cura é frequente. O tratamento inicial pode incluir anti-inflamatórios, ligamentos de apoio e compressas frias instantâneas. Para aqueles com disponibilidade financeira, as novas terapias têm tido resultados promissores. De acordo com Roland Thaler, DMV, do Metamora Equine em Michigan, terapias com células tronco e terapias com ondas de choque por vezes permitem aos atletas equinos retornar a boa saúde. A terapia com ondas de choque requer anestesia. Os cavalos podem recuperar, mas poderão não mais ser capazes de competir ao mesmo nível de seu esporte específico ou poderão ter de alterar suas disciplinas, como cavalos de corrida se tornarem cavalos de passeio.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível