Lesões na medula espinhal em cães

Escrito por d.m. gutierrez | Traduzido por vanessa arnaud
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Lesões na medula espinhal em cães
Acidentes, doenças ou defeitos genéticos podem causar danos à medula espinhal (Courtesy of FreeDigitalPhotos.net)

Acidentes, doenças ou defeitos genéticos podem levar a danos à medula espinhal em cães. Alguns problemas são tratáveis, mas outros podem levar à paralisia, e, em muitos casos, até a eutanásia. A rapidez do tratamento é essencial para a recuperação, e equipamentos de adaptação são uma alternativa para não ter que sacrificar os animais.

Outras pessoas estão lendo

A medula espinhal

A fisiologia de um cão, apesar de diferir em muitos pontos da fisiologia humana, é bastante semelhante no que se refere ao sistema nervoso central. Como os humanos, os cachorros possuem uma via neuronal que leva mensagens do cérebro para outras partes do corpo e vice-versa. A medula espinhal é a principal via de transmissão dessas informações. Ela é protegida pela coluna vertebral, que consiste em vértebras ósseas que circundam a medula e os discos preenchidos por líquidos, que proporcionam amortecimento. Quando a medula sofre danos decorrentes de lesões ou doenças, as células nervosas podem morrer. Como não é possível regenerá-las, todos os movimentos ou sensações relacionados a essa porção da medula são irreversivelmente reduzidos ou perdidos.

Doenças

Alguns cães, especialmente raças grandes como pastor alemão, setter irlandês e leão-da-rodésia, podem desenvolver mielopatias degenerativas, condições que acometem a medula, o tronco cerebral e a medula óssea. O animal começa a perder massa muscular e coordenação, tornando-se progressivamente mais fraco até que seja totalmente paralisado. Essa condição não é bem compreendida e é irreversível.

Alguns cães possuem predisposição genética à degeneração dos discos intervertebrais, condição que causa a desintegração desses discos. Esse é um problema frequente na raça teckel por causa da sua coluna desproporcionalmente alongada. Os discos danificados podem romper e exercer pressão na medula espinhal. Assim, a perfusão sanguínea da medula pode ser suprimida e se o problema não for tratado imediatamente o animal pode ficar paralisado. Por se tratar de um problema genético, criadores conscientes vêm selecionando cães que não apresentam esse traço genético.

Acidentes

Atropelamento por carros é a causa mais comum de lesões à medula espinhal em cães. Com o impacto, a coluna pode ser quebrada ou fraturada e os discos intervertebrais podem ser rompidos e torcidos. Se seu cão sofrer um acidente tome muito cuidado ao movê-lo, pois pode ter ocorrido algum dano à sua coluna. Torcer, mover ou pressionar a medula pode resultar em paralisia parcial ou total. Se o cachorro for pequeno, coloque-o cuidadosamente em um caixa para levá-lo ao veterinário. Caso seja maior, leve-o em uma superfície plana ou peça a ajuda de mais pessoas para carregá-lo, apoiando cuidadosamente o local da lesão.

Sintomas

Se os danos à medula espinhal do seu cão forem relacionados a lesões ou doenças ele pode apresentar um ou mais dos seguintes sintomas, listados em ordem de prevalência: recusa de pular ou sentar; perda do controle da parte posterior da coluna, incluindo desnorteamento ao andar; dificuldade para se levantar; permanecer nas pontas das patas, em vez de apoiá-las por completo no chão; não responder a toques na parte do corpo inferior à lesão; incapacidade de se levantar e limitação dos movimentos das patas de trás; paralisia e falta de controle dos movimentos.

Tratamento

Dependendo da causa da lesão, o tratamento pode consistir em repouso, fisioterapia, cirurgia ou cuidados paliativos. Em caso de degeneração dos discos, o repouso em uma caixa pode evitar a paralisia caso seja imediatamente implantado, e a interferência cirúrgica em até 12 horas é feita com 95% de sucesso. No caso de mielopatia degenerativa, cuidados paliativos costumam ser a única opção, apesar de fisioterapia, especialmente associada à natação, muitas vezes ajudar. A acupuntura também já foi indicada como uma alternativa para reduzir as dores e melhorar a mobilidade.

Se seu animal estiver paralisado por conta de lesões à medula, preocupe-se em garantir sua qualidade de vida. Os cães não ficam frustrados ou constrangidos por conta das limitações físicas. Se ele estiver saudável e feliz, compre equipamentos de adaptação, como cadeiras de roda específicas para cães, para melhorar sua mobilidade.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível