Como lidar com um mentiroso compulsivo

Escrito por claudette pendleton | Traduzido por luisa damulakis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como lidar com um mentiroso compulsivo
Pare de mentir (lying girl image by Alexander Zhiltsov from Fotolia.com)

Um mentiroso compulsivo conta mentiras a toda hora e, sem importar a situação, age descontroladamente. Ninguém passa sem contar uma mentira de vez em quando, mas o mentiroso compulsivo mente com frequência sobre tudo, sejam coisas grandes ou pequenas. A mentira compulsiva é geralmente um sintoma de um transtorno de personalidade maior, como o transtorno de personalidade narcisista ou o transtorno de personalidade "borderline" (também conhecido como transtorno de personalidade limítrofe). Contar a verdade é algo difícil e desconfortável para os mentirosos compulsivos que encontram na mentira uma fuga para situações incômodas, assim algumas pessoas recorrem ao álcool, ao sexo e às drogas como escapatória.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Reserve um tempo para pensar no que irá falar para a pessoa que mente compulsivamente. Você deve ser delicado, mas ainda assim firme e abordar a questão de uma forma que contribua para o entendimento dos seus comentários. Gritar com a pessoa não trará benefícios para a situação, só irá incentivar ainda mais o conflito.

  2. 2

    Converse com a pessoa que é mentirosa compulsiva sobre as diferentes situações que ocorreram nas quais você sabia que ela estava mentindo. Você deverá apresentar provas para que ela acabe tendo que encarar a verdade. Ao interagir com essa pessoa, será necessário mostrar evidências todas as vezes que ela mentir sobre algo. Fazer isso irá ajudá-la a lidar com o problema frequentemente, levando-a a perceber que, de fato, existe um problema e que é preciso tomar uma atitude a respeito dessa questão.

  3. 3

    Seja paciente com a pessoa. É muito provável que ela não tenha ficado assim de uma hora para a outra. Além disso, levará algum tempo para que ela supere esse problema, se tomá-lo com seriedade. Sendo assim, se você realmente quiser ajudá-la a se livrar da mentira compulsiva, será necessário ter muita paciência, carinho e delicadeza para alcançar bons resultados.

  4. 4

    Diga à pessoa que se ela não procurar ajuda através de aconselhamento ou terapia, você não permanecerá ao seu lado, pois ela continuará não apenas se prejudicando, mas também machucando outras pessoas. Às vezes, as pessoas decidem finalmente receber uma ajuda profissional ao perceber que estão perdendo amizades valiosas.

  5. 5

    Deixe a situação de lado. Se não estiver conseguindo prosseguir com a situação e a pessoa não quer procurar ajuda, talvez seja o momento de se afastar, pois você não pode forçar alguém a fazer algo. Se a pessoa puder tomar a decisão de procurar ajuda, mas ainda assim se recusar, não importa o quanto você tente convencê-la, você estará andando em círculos e acabará se machucando ainda mais no processo.

Dicas & Advertências

  • Tente receber apoio de outros que também tenham observado a pessoa mentir, na hora de confrontá-la. Converse de forma carinhosa sobre suas preocupações.
  • Confrontar pessoas mentirosas é algo difícil e muitas vezes elas se recusam a mudar.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível