Mais
×

Como medir a frequência cardíaca do feto usando um doppler

Atualizado em 15 fevereiro, 2018

Ouvir os batimentos cardíacos de seu bebê durante a gestação pode ser reconfortante. Ter um monitor fetal doppler -- um aparelho que utiliza ondas sonoras para captar a frequência cardíaca de um feto -- permite que você possa ouvir a frequência cardíaca de seu bebê em casa. Em apenas alguns minutos e com um pouco de gel doppler você pode até mesmo medir a frequência cardíaca do feto.

Instruções

Em apenas alguns minutos você pode medir a frequência cardíaca do feto (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

    Encontre a batida do coração

  1. Prepare-se para usar o monitor fetal deitando-se ou sentando-se.

  2. Coloque bastante gel doppler -- um gel desenvolvido para ser usado em conjunto com o monitor fetal doppler -- em seu abdôme. Isso ajudará a captar os batimentos de seu bebê.

  3. Coloque a sonda sobre o gel, inclinando-a para baixo e em direção ao topo de seu osso púbico.

  4. Ligue o monitor usando a mão que não está segurando a sonda.

  5. Comece a mover a sonda pelo seu abdôme, usando movimentos circulares. Movimente lentamente para não deixar escapar a frequência cardíaca do bebê.

  6. Movimente a sonda de um lado de sua barriga ao outro, sempre em movimentos circulares, até ouvir as batidas do coração do bebê.

    Meça a frequência cardíaca

  1. Diferencie os seus batimentos cardíacos daqueles do bebê: eles devem soar como um cavalo galopando, enquanto os seus devem ser bem mais lentos.

  2. Conte as batidas do coração do bebê durante um período de 60 segundos.

  3. Multiplique o número de batidas ouvidas em 60 segundos por dois -- de acordo com o site FetalDopplerFacts, o resultado será a frequência cardíaca de seu bebê.

  4. Uma frequência normal deve ter entre 110 e 180 batidas por minuto (BPM). A frequência cardíaca de seu bebê, entretanto, pode variar com a hora em que você usa o monitor fetal doppler. Frequências maiores também podem ser completamente normais.

Dicas

  • Se você está entre oito e 12 semanas de gravidez, coloque o gel e a sonda perto do osso púbico e comece a checar as batidas nessa região. Em semanas posteriores, pode ser melhor começar a sondar mais perto do umbigo.
  • O gel doppler é o mais apropriado para o uso com o monitor cardíaco doppler, mas outros géis e loções podem ser seguros e eficazes. Para certificar-se de que não haverão danos à sonda, consulte o manual do aparelho antes de usar qualquer coisa além do gel doppler. Ao usar um produto diferente, você pode perceber maior interferência estática.
  • Algumas mulheres sentem dificuldades em ouvir as batidas do coração de seus bebês antes de 12 ou 14 semanas. Se você tiver dificuldades, leve o monitor cardíaco doppler em sua próxima visita ao médico -- ele poderá oferecer alguma ajuda.
  • Beba muita água e comece o procedimento com a bexiga cheia, principalmente se estiver nas primeiras semanas de gestação -- isso pode facilitar a captação de ondas sonoras pelo aparelho.

Aviso

  • Não entre em pânico caso a sonda não consiga captar os batimentos cardíacos do bebê. Ele pode estar em uma posição estranha que torna difícil encontrar os batimentos. Beba um pouco de água e tente novamente, tente depois ou consulte um médico se estiver preocupada.
  • Não use um monitor fetal doppler para realizar diagnósticos. Consulte seu médico se tiver perguntas a respeito da saúde de seu bebê.

O que você precisa

  • Monitor fetal doppler
  • Gel doppler
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article