Por que os microscópios compostos invertem as imagens?

Escrito por amelia mcdoogleburger | Traduzido por marina bentti mourad
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Por que os microscópios compostos invertem as imagens?
Microscópio composto (wikimedia.org)

Outras pessoas estão lendo

O que é um microscópio composto?

Um microscópio composto consiste de uma lente ocular e uma objetiva. Em muitos modelos, diferentes objetivas podem ser giradas, permitindo diferentes forças de ampliação. Tanto a ocular quanto a objetiva são lentes convergentes, o que significa que os raios de luz paralelos que entram na lente irão convergir para um ponto único (o chamado ponto focal).

Como o microscópio composto inverte uma imagem?

A lente objetiva de um microscópio composto tem uma distância focal muito curta. Depois que a luz passa através da amostra, através da lente objetiva e seu ponto focal, a imagem formada será invertida. Essa imagem é o objeto que é visto pela lente ocular. A lente ocular atua apenas como uma simples lupa, e amplia a imagem criada pela lente objetiva. Como resultado, a imagem que é vista quando se olha através de um microscópio composto é invertida quando em comparação com a amostra a ser analisada.

Implicações de uma imagem invertida

A inversão de uma imagem com um microscópio composto pode ser demonstrada olhando para a versão impressa a letra "e" sob o microscópio. A imagem será invertida devido à lente objetiva ser convexa. Isso também pode ser observado com amostras maiores, onde a orientação é conhecida (por exemplo, se a cabeça de um inseto está posicionada na direção do topo da lâmina.)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível