Mais
×

Opções de argamassa para calçadas de lajota

Atualizado em 21 novembro, 2016

Existem muitas opções quando se constrói uma calçada de lajota, desde a escolha das pedras até o método usado para colocá-las. Essas escolhas afetam o tempo de vida do piso, bem como o desgaste que pode ocorrer. Familiarize-se com o tipo de argamassa para escolher qual o melhor método.

As calçcadas são altamente personalizáveis (stone walkway image by Alexey Chesnokov from Fotolia.com)

Dois tipos de pavimento

Enquanto os termos cimento, concreto e argamassa são frequentemente usados como sinônimos, eles não são todos a mesma coisa. O cimento é um ingrediente tanto do concreto quanto da argamassa, mas não é o mesmo produto final. Concreto é uma mistura de cimento, água e outros componentes, como areia ou brita. Argamassa é um tipo de concreto feito de cimento, água, areia e, geralmente, cal hidratada. Ela é usada especificamente para alvenaria, já que é colante, para unir ou impermeabilizar superfícies. Ao considerar uma calçada de lajota, existem duas opções básicas de assentamento disponível: usar argamassa ou método seco.

Argamassa

É fácil fazer argamassa misturando cimento, areia e água. Apesar de não ser um ingrediente obrigatório, a cal hidratada torna a argamassa mais elástica e maleável. Ela também impede que a areia e o cimento se separem, diminui as chances de que a argamassa encolha e torna a mistura mais resistente à água.

A receita básica para esse tipo de argamassa é: nove partes de areia, duas de cimento e uma de cal hidratada. Misture bem esses ingredientes antes de adicionar a água. Acrescente-a devagar, até adquirir uma textura firme para ser modelada. Não faça mais massa do que você irá usar em poucas horas, já que ela começa a endurecer logo.

Método seco

Nesse método, não se usa concreto sob o caminho. As pedras são colocadas sobre uma cama de areia compactada, a qual geralmente está sobre uma camada de cascalho. Depois, areia fina para alvenaria é varrida sobre os encaixes ou espalhada com uma espátula. A areia amortece e nivela as pequenas irregularidades do cascalho ou da terra.

Esse tipo de método cria um caminho que é estável e durável, mesmo em climas suscetíveis ao congelamento, que podem rachar a argamassa. Também permite que pisos danificados sejam substituídos mais facilmente, ou que se removam trechos que estiverem sobre tubulações ou linhas de força. No entanto, a areia entre as pedras é levada pela água com o tempo, o que exige reposição. Outro fator a se considerar é que, em áreas em que o terreno é movediço, esse tipo de calçamento é mais propenso a se deformar do que as calçadas com argamassa.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article