Como usar um oxímetro no dedo

Escrito por carly kullman | Traduzido por lucas calazans
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como usar um oxímetro no dedo
O medidor de oxigênio já tem sua versão para ser utilizado em casa (www.shopping.com)

Existem diversas maneiras diferentes de medição da saturação de oxigênio de uma pessoa ou a quantidade de oxigênio transportado pelo sangue. Muitas vezes, em hospitais ou outros contextos clínicos, um oxímetro é usado. Foi criado de modo que as pessoas possam usá-lo em casa, sendo pequeno e fácil de usar suas configurações.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Explique para a pessoa o que você vai fazer. Em um ambiente hospitalar isso pode fazer com que se sintam mais à vontade ao saber o que estará ocorrendo. Em casa ou em um outro ambiente de cuidados médicos, a pessoa vai saber o que esperar.

  2. 2

    Localize o botão de ligar e ligue o aparelho.

  3. 3

    Coloque um dedo, de preferência o dedo indicador, dentro do oxímetro para o dedo.

  4. 4

    Permaneça imóvel enquanto o oxímetro está fazendo uma leitura, pois o movimento pode perturbar ou dificultar a mesma.

  5. 5

    Leia o display. Um símbolo do coração vai mostrar qual a pulsação da pessoa. A notação de Sp02 irá alertá-lo sobre a saturação de oxigênio da pessoa.

Dicas & Advertências

  • Uma vez que todos os oxímetros de dedo podem ter uma variedade de funções diferentes, não se esqueça de ler o manual do proprietário e as instruções que vieram com o seu modelo.
  • Se você está tendo problemas para fazer uma leitura com o oxímetro, certifique-se de que o dedo da pessoa está sem esmalte de unha. Ele pode impedir que o oxímetro obtenha uma leitura adequada.
  • Certifique-se de que o dedo da pessoa não está muito frio, pois assim o oxímetro não será capaz de obter uma leitura.
  • Uma leitura ideal deve estar no intervalo de 95%-99%. Se você tem uma leitura que é significativamente inferior, procure sinais de que a pessoa possa estar com dificuldade para respirar como sibilância, dificuldade para pegar fôlego ou de períodos de apneia (sem respirar). Peça ajuda imediatamente se isso está ocorrendo.
  • Esses aparelhos não são destinados a serem usados como um controle constante ao longo do tempo, por isso é importante observar outros sinais de problemas respiratórios como mencionado acima.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível