Perigos de se viajar pela Jamaica

Escrito por rbennett | Traduzido por rodrigo gammaro alves nunes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Perigos de se viajar pela Jamaica
Ouriços (sea urchins image by Scott Slattery from Fotolia.com)

Desde as Montanhas Azuis exuberantes (famosas pelo café que produzem) até a Praia Seven Mile em Negril e Montego Bay até a capital do reggae de Kingston, a Jamaica oferece muitas atrações e atividades para os viajantes. No entanto, por baixo da beleza há uma série de perigos que podem arruinar as férias no país.

Outras pessoas estão lendo

Riscos no trânsito

Como muitas das ex-colônias e protetorados britânicos, a Jamaica mantém a tradição de mão inglesa, o que para muitos turistas é o lado errado da estrada. Adicione a isso ruas estreitas, cenário perturbador, localização desconhecida, o estilo de condução agressivo dominante e uma série de veículos, buracos, animais e pessoas na estrada e uma rápida ida à praia pode se transformar em um pesadelo.

Ouriços do mar

Como muitas de suas ilhas irmãs do Caribe, as águas jamaicanas atraem até mesmo a entrada dos nadadores mais tímidos. Muitas praias entram suavemente nas águas quentes do Caribe, mas um perigo desconhecido para muitos descansa abaixo das ondas.

Os ouriços do mar são pequenos membros da mesma família das estrelas do mar, mas seus espinhos se tornam um grande perigo para nadadores desprevenidos. Ao ser pisado, os espinhos rasgam o pé e lançam um veneno que causa dor intensa. A maneira mais fácil de evitar a chance de lesão é usar sapatos aquáticos ao entrar na água.

Perigos de se viajar pela Jamaica
Ouriços (sea urchins image by Scott Slattery from Fotolia.com)

Excesso de rum

O rum é muito associado à Jamaica. Este tipo de bebida alcoólica é feita a partir do melaço e suco de cana-de-açúcar. Muitos dos resorts na Jamaica são "all inclusive", ou seja, têm acesso ilimitado ao bar. Como as misturas para bebidas são mais caras que o álcool, os drinks tendem a ser muito mais fortes do que muitos turistas podem tolerar e alguns poucos copos podem levar a situações desagradáveis ​​e até perigosas. Beba com muita moderação.

Criminalidade

Como a Jamaica é um país lindo e cheio de pessoas sorridentes, é fácil se concentrar nos locais que você vê no resorts e esquecer que grande parte do país é pobre e as pessoas ainda vivem em condições de terceiro mundo. O turista cauteloso faz uma viagem inteligente, tendo em mente dicas básicas de segurança que podem impedir um encontro desagradável com o lado não muito hospitaleiro da ilha.

Certifique-se de viajar com um passaporte ou visto válido, se forem necessários. Considere a possibilidade de uma outra forma válida de identificação com foto. Tire fotocópias de seus documentos de identificação e os mantenha no cofre do hotel prevenindo-se em caso de perda ou roubo.

Esteja ciente das leis e práticas locais. Ao contrário da lenda urbana, a maconha (conhecida lá como "ganja") não é legal (embora facilmente disponível). Dê a amigos e familiares suas informações de contato e itinerários em caso de emergência. Considere entrar em contato com a embaixada do seu país ou consulado antes de viajar. Em caso de emergência, o país terá, então, informações para auxiliar na sua localização. Nunca deixe bagagem, bolsas ou mochilas sozinhas. Mantenha seus bens valiosos perto de você. Não transporte ou mostre grandes quantias de dinheiro. Evite usar jóias caras.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível