Primeiros sinais comuns da puberdade

Escrito por susan t. mcclure | Traduzido por guilherme ferreira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Primeiros sinais comuns da puberdade
As mudanças na puberdade começam nas meninas entre os nove e dez anos (young girl image by CraterValley Photo from Fotolia.com)

A puberdade é o termo para as mudanças hormonais, físicas e cognitivas que fazem a criança tornar-se um adulto. Ela é causada pelas mudanças na secreção dos hormônios reprodutivos, chamados gonadotrofina (GnRH), que ativa várias mudanças hormonais. Alguns dos primeiros sinais mais comuns da puberdade incluem o desenvolvimento dos seios nas meninas e o crescimento dos testículos nos meninos, seguido pelo surgimento de pelo púbico e surto de crescimento.

Outras pessoas estão lendo

Mudanças hormonais

Os primeiros sinais da puberdade são as mudanças hormonais, mas não há como perceber isso sem exames especiais de sangue. Nas meninas e meninos, a puberdade começa com o acesso de liberações rítmicas de altos níveis do hormônio GnRH do hipotálamo do cérebro. Esse padrão de secreção do GnRH causa picos durante a noite de secreção da gonadotrofina (crescimento da gônada), hormônio folículo-estimulante (FSH) e hormônio luteinizante (LH) da hipófise. Os picos noturnos de LH e FSH ocorrem apenas durante o começo da puberdade e durante o sono, tornando crucial que pré-adolescentes e adolescente durmam o suficiente e profundamente.

Nas meninas, o LH e o FSH fazem os ovários produzir níveis altos de estrogênio. Os níveis de FSH sobem aos nove e dez anos, seguidos pelo LH. Os níveis de estrogênio começam a elevar-se aproximadamente entre os dez e 11 anos. Em meninos, o LH é o hormônio predominante e estimula o testículos a secretarem a testosterona. Os níveis de testosterona se elevam aproximadamente aos 12 anos e aumentam durante os próximos dois anos. O estrogênio e a testosterona são responsáveis pela maior parte das mudanças subsequentes na puberdade.

Mudanças físicas

Mudanças físicas na puberdade ocorrem em fases discretas medidas por uma avaliação clínica, chamada estágio de Tanner. O estágio um de Tanner equivale a pré-puberdade. No estágio dois de Tanner, começa-se a ver as primeiras mudanças físicas.

Para as meninas, os primeiros sinais óbvios da puberdade é um leve inchaço dos seios, chamado de telarca. A telarca ocorre quando os níveis de estrogênio aumentam entre dez e 11 anos. Para os meninos, o primeiro sinal óbvio da puberdade é o crescimento dos testículos entre oito e nove anos.

Também no estágio dois começa o crescimento de pelos pubianos em meninos e meninas. Nas meninas, o pelo pubiano aparece aos 11 anos devido ao androgênio da glândula suprarrenal e, em meninos, aparece entre 11 e 12 anos.

Surto de crescimento

No estágio um de Tanner (pré-puberdade), espera-se que uma criança cresça de 5 cm a 6 cm por ano. Para as meninas no estágio dois de Tanner (aos 11 anos), ocorre um crescimento de 7 cm a 8 cm por ano. As meninas continuam crescendo nesse ritmo até os 16 anos. Os meninos não começam a crescer mais rapidamente até o estágio três de Tanner, com cerca de 12 ou 13 anos. Os picos de crescimento dos meninos no estágio quatro de Tanner (cerca de 14 anos) chegam a 10 cm por ano e terminam aos 17 anos.

A altura resulta das ações do hormônio de crescimento, que é liberado durante o sono. Em estágios de crescimento acelerado, uma criança pode literalmente crescer durante a noite.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível