Como puxar um cachorro preso durante o parto

Escrito por cindy quarters | Traduzido por lily alves
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como puxar um cachorro preso durante o parto
A ação rápida pode ajudar a salvar filhotes em um parto difícil (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Assistir a um cão dar à luz é divertido e interessante, e na maioria das vezes tudo acontece sem dificuldade. No entanto, ocasionalmente o proprietário deve intervir quando ocorrem problemas. Quando um filhote de cachorro fica preso no canal do parto, uma ação rápida pode significar a diferença entre a vida e a morte para o cachorro, e às vezes até para a mãe.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Luvas
  • Lubrificante não baseado em petróleo
  • Toalha
  • Bomba de sucção
  • Pinça hemostática

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Determine se o cachorro está preso ou se a mãe está tomando uma pequena pausa para permitir ajustes internos. Se a mãe continua a tensionar ou parecer aflita, há uma boa chance de que um filhote está preso no canal vaginal. Um trabalho de parto árduo que dura mais de duas horas indica um problema sério.

  2. 2

    Insira um dedo enluvado suavemente dentro do canal, utilizando o lubrificante para facilitar o processo. Se conseguir sentir o cachorro, você pode ser capaz de ajudar a retirá-lo. Se não conseguir senti-lo, você precisa levar a fêmea a um veterinário.

  3. 3

    Segure o filhote com cuidado, de preferência colocando um dedo sob as pernas dele. É normal que os filhotes nasçam tanto com os pés ou com a cabeça primeiro, então não se preocupe se encontrar a parte traseira em vez da cabeça.

  4. 4

    Puxe delicadamente, cronometrando seus esforços para trabalhar com as contrações da mãe. Não puxe o cachorro pela cabeça, pois pode deslocar o pescoço dele. O filhote pode estar preso dentro do canal vaginal, no caso, um pouco de ajuda irá fazê-lo sair rapidamente.

  5. 5

    Enrole o filhote recém-nascido em uma toalha e segure-o com a cabeça para baixo para limpar os fluidos de seus pulmões. Suavemente, retire os fluidos de sua boca e nariz.

  6. 6

    Fixe a pinça hemostática no cordão umbilical e corte-o. Um rasgado ou corte áspero é melhor, uma vez que estimula a mãe a mastigá-lo e ajuda a minimizar o sangramento. Não puxe o cordão umbilical. Remova a pinça hemostática após alguns minutos.

  7. 7

    Seque o cão e então deixe a cadela lambê-lo para estimular a respiração e fazê-lo chorar. Uma vez que o filhote começou a respirar, ele pode estar cansado de sua saída prolongada, mas depois de descansar, geralmente ficará bem. Certifique-se de mantê-lo aquecido.

Dicas & Advertências

  • Enquanto a mãe dá à luz ao resto dos filhotes, mantenha os filhotes em uma pequena caixa com um conjunto de almofada de aquecimento sob uma toalha grossa. Assim eles ficarão seguros até a mãe terminar de dar à luz ao resto dos filhotes. Eles podem ser devolvidos para a mãe quando ela não estiver no processo de dar à luz, normalmente, assim que um filhote nasce, mas terão de ser removidos quando ela voltar ao processo. Os filhotes ajudarão a estimular a mãe a lactar e dar à luz aos outros filhotes.
  • Há muitas maneiras do filhote ou mãe se machucarem quando você estiver tentando ajudar com o parto. Nunca insira qualquer coisa além do seu dedo no canal. Não use uma pinça ou outras ferramentas. Nunca puxe um filhote de cachorro pela cabeça. Nunca force ao puxar um filhote da mãe. Nunca puxe o cordão umbilical assim que o cachorro nascer, uma vez que separação prematura da placenta pode fazer a mãe sangrar até a morte. Se achar que a situação está além de sua capacidade de ajudar, entre em contato com um veterinário imediatamente.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível