Mais
×

Quais são os sintomas de uma concussão em cães?

Atualizado em 23 março, 2017

Assim como os humanos, os cães podem sofrer uma concussão na cabeça, frequentemente causada por uma paulada ou uma lesão. Alguns dos casos mais comuns para as concussões em cachorros são acidentes de carro, atropelamento por uma bicicleta, pancada por bastão de beisebol ou lutas com outros animais. As concussões podem levar ao inchaço, ferimentos, sangramentos e em último caso, à uma disfunção cerebral do seu bichinho de estimação. Alguns sinais indicativos irão lhe mostrar se o seu cão sofreu uma concussão.

As concussões podem ter sérias consequências para o seu estimado bichinho (dog image by Mat Hayward from Fotolia.com)

Ataques

Se o seu cão começar a apresentar ataques, há um problema implícito. Ataques podem frequentemente indicar lesão cerebral em um animal de estimação.

Ataques (George Doyle & Ciaran Griffin/Stockbyte/Getty Images)

Inconsciência

Pode parecer óbvio, mas se o seu bichinho parece estar dormindo, mas não reage, ele pode ter tido uma concussão. Observe seu cachorro toda vez que ele for dormir após um ferimento na cabeça. Ele responde quando você chama? Chamar você desperta ele? Um bichinho inconsciente precisa ser levado ao veterinário imediatamente.

Cão inconsciente (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

Cabeça inclinada

Parece fofo quando seu cãozinho inclina a cabeça para o lado, mas isso também pode indicar uma lesão no cérebro. O cão sabe que há alguma coisa errada e está fazendo o que pode para compensar.

Cabeça pendendo para o lado (Ryan McVay/Lifesize/Getty Images)

Pernas rígidas

O cérebro diz a cada parte do corpo o que fazer e como se mover. Quando seu cão sofre uma lesão de qualquer tipo e mais tarde parece ter problemas em andar, deve ter havido uma concussão. Pernas endurecidas não são somente um sinal de idade avançada nos animais de estimação. Também podem indicar um problema mais grave.

Pernas endurecidas (George Doyle & Ciaran Griffin/Stockbyte/Getty Images)

Pernas flácidas

Inversamente, quando as pernas de seu cachorro parecem ter virado espaguete e ele apresenta problemas em ficar de pé, o cérebro pode estar sinalizando uma lesão.

Pernas moles (Ryan McVay/Lifesize/Getty Images)

Diferença de tamanho das pupilas

Você se lembra de quando a enfermeira da escola costumava apontar uma luz para os seus olhos após uma queda no parquinho? Ela estava checando se as pupilas tinham tamanhos diferentes, uma indicação de concussão. Os olhos dos cães responderão da mesma maneira após uma pancada na cabeça.

Olhos com pupilas de tamanhos diferentes (Ryan McVay/Digital Vision/Getty Images)

Movimento irregular dos olhos

Movimentos atípicos ou irregulares dos olhos do seu cão são um sinal certo de que ele sofreu um ferimento na cabeça. Isso significa que os nervos ópticos, localizados bem próximos ao cérebro, foram impactados.

Movimentos irregulares dos olhos (Apple Tree House/Lifesize/Getty Images)

Orelhas ou narinas sangrando

Nunca é normal para um cão sangrar pela narina ou orelhas. Se o seu cão está assim, ele precisa de atendimento médico urgente.

Sangramentos nas orelhas e narinas (Apple Tree House/Lifesize/Getty Images)
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article