Teste para redução de açúcar

Escrito por melissa kelly | Traduzido por carla yoshida
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Teste para redução de açúcar
Testes para detectar presença de açúcares redutores (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Os produtos alimentícios podem ser testados para que se determine se eles contêm açúcares redutores. Isso pode ser feito pelo teste de Benedict ou de Fehling, que também são usados para verificar se há açúcares presentes nos fluidos como urina, o que é importante como teste diagnóstico.

Outras pessoas estão lendo

O que é um açúcar redutor?

Qualquer açúcar que forme um aldeído ou cetona na presença de uma solução alcalina é um açúcar redutor. Os tipos de açúcares redutores incluem a glucose, frutose, gliceraldeído, lactose, arabinose e maltose. Sacarose e trealose não são açúcares redutores. Em palavras resumidas, um açúcar desse tipo é aquele que reduz certas químicas por meio da reação de oxidação.

Teste de Benedict

Para testar a presença de açúcar redutor, uma amostra de comida é dissolvida em água fervente. Em seguida, uma pequena quantidade do reagente de Benedict é adicionada e a solução começa a esfriar. Durante os próximos 4 a 10 minutos, a solução muda de cor. Se ela for azul, então a glucose não está presente. Se há uma grande concentração de glucose, a cor se modifica para verde, amarelo, laranja e então vermelho-escuro ou marrom.

Como funciona o teste de Benedict

O reagente do teste de Benedict é feito de anidro de carbonato de sódio, citrato de sódio e cobre (II) de sulfato pentahidrato. Uma vez que ele for adicionado à solução, o redutor de açúcares reduz o azul do sulfato de cobre da solução de Benedict para o marrom avermelhado do sulfeto de cobre que precipita, o responsável pela mudança de cor. Os não redutores de açúcar não podem fazer isso. Esse teste em particular somente mostra a presença do açúcar redutor.

Teste de Fehling

Para realizar o teste de Fehling, a solução é diluída em água e amornada até que esteja totalmente dissolvida. Em seguida, é adicionada a solução de Fehling enquanto continua-se mexendo. Se os açúcares redutores estiverem presentes, a solução começará a mudar para a cor ferrugem ou vermelha, enquanto precipitações começam a ser formadas. Se os açúcares redutores não estiverem presentes, a solução se manterá azul ou verde.

Como o teste de Fehling funciona

A solução de Fehling é feita por duas subsoluções. A solução A é feita de pentahidrato de sulfato de cobre dissolvido em água, e a solução B contém tartarato de potássio de sódio tetrahidrato (sal de Rochelle) e hidróxido de sódio em água. As duas soluções são misturadas em partes iguais para se ter a solução final. O teste tem por objetivo detectar a presença de monossacarídeos, especialmente de aldoses e cetoses. Eles são detectados quando o aldeído oxida em ácido e forma um óxido cuproso. Em contato com o grupo de aldeídos, há a redução de íons cuproso, que forma uma precipitação vermelha e indica a presença de redutores de açúcar.

Aplicação prática

Os testes de redução de açúcar, como o de Benedict e o de Fehling, podem ser usados para determinar se açúcares estão presente na urina, sendo o indicativo de diabetes mellitus. E também podem ser usados de forma qualitativa, como em uma titulação experimental para determinar a quantidade de açúcares redutores na solução.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível