Mais
×

Os tipos de moscas e mosquitos

Atualizado em 21 julho, 2017

Existem mais de um milhão de espécies diferentes de moscas e mosquitos no planeta atualmente, pertencentes à ordem Diptera. Ambos começam como ovos, vão para o estágio larval, e depois para a fase de pupa, que os conduz à fase adulta final. Estes insetos são responsáveis ​​por mais mortes humanas do que quaisquer outros organismos vivos, com exceção de outros seres humanos, e podem ser bastante irritantes. Existem mais espécies documentadas de moscas do que de vertebrados, e algumas são mais comuns do que outras ao redor da casa.

Uma mosca saliva constantemente (Getty Images)

Mosquitos-do-fungo

O mosquito-do-fungo é encontrado na vegetação úmida doente ou morta. Floreiras, potes, vasos de flores e outras áreas úmidas onde há vegetação em decomposição abrigarão esse mosquito. O mosquito-do-fungo parece um mosquito com um corpo esbelto, mas ele tem veias em suas asas para diferenciá-lo, uma coloração preto ou cinza escura, e atinge cerca de 0,2 mm de comprimento. Seu tempo de vida é de cerca de um mês e ele se reproduz em matéria orgânica em decomposição. O ovo desse inseto é quase microscópico, branco, sedoso e transparente.

Mutucas

As mutucas eclodem quando o tempo fica quente, e depois formam enxames em grandes grupos. Elas se alimentam do néctar das plantas e suas larvas de material em decomposição. Podem ser identificadas pelo corpo escuro e pelas asas transparentes, e atingem um comprimento de 0,4 cm. A Flórida e a Costa do Golfo abrigam grandes populações de mutucas. Elas não representam nenhuma ameaça aos seres humanos. Essa mosca é um incômodo ao redor das luzes à noite, pois voa a apenas alguns metros de distância do chão.

Moscas-de-praia

A mosca-de-praia é pequena, como o mosquito-do-fungo. Para diferenciá-las, a mosca-de-praia voa muito mais rápido e possui asas manchadas. Ela come bactérias, algas e formas unicelulares. A América do Norte, a Ásia e a Europa abrigam essa mosca em lugares pantanosos e úmidos, em lagos ou áreas à beira-mar. Ela geralmente evita se alimentar de vegetação ornamental, mas suas excreções sobre as plantas causam danos. É uma espécie de difícil controle com pesticidas.

Moscas domésticas

A mosca doméstica alimenta-se de bactérias e pode transmitir mais de 65 tipos de doenças aos seres humanos. Ela só se alimenta de líquidos e transforma bactérias em líquidos, regurgitando sobre a alimentação, esperando que ela se decomponha. Essa mosca saliva continuamente, e cada vez que ela pousa, excretará líquidos. Seu tempo de vida é de apenas algumas semanas em temperaturas quentes, podendo viver até três meses em temperaturas mais baixas. Ela prefere pôr ovos no estrume, no qual a larva comerá ao eclodir. Uma mosca pode colocar até 200 ovos por vez.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article