Como tirar fotos de longa exposição

Escrito por lisa porter | Traduzido por henry alfred bugalho
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como tirar fotos de longa exposição
Use longas exposições para fotografar com pouca luminosidade ou à noite ou para borrar a luz e o movimento (George Doyle/Stockbyte/Getty Images)

Use longas exposições para fotografar com pouca luminosidade ou à noite ou para borrar a luz e o movimento. Condições de pouca luminosidade geralmente requerem que a velocidade do obturador seja lenta, como um segundo. Para criar efeitos de movimento borrado ou para fazer cenas noturnas parecerem tão claras quanto de dia, talvez você precise manter o obturador aberto por mais tempo do que um minuto. Concentre-se na velocidade do obturador e ajuste outras variáveis de acordo para obter as melhores fotos de longa exposição.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Câmera
  • Tripé
  • Obturador programável

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Compre um tripé firme. Você precisará manter a câmera absolutamente estática para longas exposições a fim de minimizar o movimento e borrado indesejado. Use um tripé para qualquer velocidade do obturador mais longa do que 1/30 de um segundo.

  2. 2

    Configure a abertura da câmera o máximo possível se você estiver fotografando em condições com pouca luminosidade ou à noite e quiser minimizar a velocidade do obturador. Uma abertura grande permitirá que mais luz passe através da lente em um menor espaço de tempo.

  3. 3

    Feche a abertura para um ajuste menor se você quiser maximizar a velocidade do obturador. Se você estiver fotografando com luzes claras, mas quiser borrar uma cachoeira ou outro movimento, por exemplo, fotografe com uma abertura reduzida para permitir uma longa exposição sem sobre-expor a imagem.

  4. 4

    Repare na configuração da velocidade do filme ou a sensibilidade do sensor digital de sua câmera. Com câmeras analógicas, preste atenção ao ISO do filme. Filmes com ISO mais alto são mais sensíveis à luz e mais apropriados para fotografar com pouca luminosidade ou à noite. Sensores em câmeras digitais geralmente têm números semelhantes de ISO que indicarão a configuração atual de sensibilidade do sensor. Ajuste essa configuração de acordo com as condições, ou mantenha-a constante para experimentar com velocidade do obturador e abertura.

  5. 5

    Use um disparador de obturador com timer se você quiser se incluir na foto. Esses aparelhos lhe dão um certo tempo entre o momento que você pressiona o botão do obturador e o momento em que o obturador realmente abre. Use esse recurso para criar "light paintings" com longas exposições. Nesse tipo de fotografia experimental, você segura uma vela ou lanterna e move-a ao redor do ambiente para um padrão abstrato ou com propósito. Uma longa exposição registrará a luz como uma única linha se movendo através do espaço.

  6. 6

    Tire múltiplas imagens do mesmo tema com velocidades do obturador diferentes para aprender mais sobre longas exposições. Em algumas situações, você não terá a oportunidade de tirar uma segunda ou terceira foto. Se você tiver, aproveite o momento para experimentar diferentes tempos de exposição. Compare os resultados e determine qual abertura, tempo de exposição ou combinação de ambos foram os mais bem-sucedidos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível