Tratamento de cisto na tireoide

Escrito por lee morgan | Traduzido por luiz fernando ferreira da silveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Tratamento de cisto na tireoide
A glândula tireoide, localizada no pescoço, é responsável pelo controle da taxa de energia que o organismo utiliza e pela produção de proteínas (Duncan Smith/Stockbyte/Getty Images)

A glândula tireoide, localizada no pescoço, é responsável pelo controle da taxa de energia que o organismo utiliza e pela produção de proteínas. Ocasionalmente, nódulos podem se formar na tiroide, causando dor, sangramento e até mesmo uma mudança na voz, se não forem tratados. O tratamento pode variar quando se trata de cistos da tireoide, dependendo se forem cancerígenos quando o líquido for extraído em uma biópsia.

Outras pessoas estão lendo

Terapia de supressão hormonal

A levotiroxina, um hormônio de reposição que replica uma glândula segregada pela tireoide, pode ser dada em forma de pílula para tratamento de cistos benignos. De acordo com a Mayo Clinic, o hormônio tireoidiano adicional irá causar uma diminuição do TSH (hormônio estimulante da tireoide), que é responsável pelo crescimento de tecido da glândula. Em alguns casos, isso fará o crescimento da tireoide diminuir. Embora a terapia possa ser usada em alguns casos, tumores benignos talvez não causem problemas, e não será necessário fazer a redução, a menos que outras complicações estejam presentes.

Iodo radioativo

Dado em forma de cápsula ou comprimido, o iodo radioativo é um tratamento que pode diminuir os nódulos da tireoide, incluindo adenomas ou bócio. Este tratamento fará os sintomas de uma tireoide hiperativa desaparecerem ou melhorarem dentro de 2 a 3 meses.

Quando os nódulos forem destruídos, hormônios da tireoide são liberados no corpo. Esse evento pode causar sintomas piores temporariamente após o tratamento. Efeitos colaterais podem incluir dores de garganta e pescoço.

Cirurgia

No pior dos casos, a biópsia revela cistos contendo células cancerosas. O tratamento típico para um crescimento maligno da tireoide é a remoção cirúrgica junto com a maioria do tecido da tireoide. Esta "tireoidectomia quase total", obviamente, reduz os níveis de hormônio da tireoide no corpo para níveis insuficientes, e uma terapia de reposição ao longo da vida com levotiroxina será necessária para a função normal. Este tratamento geralmente cura o câncer e raramente causa problemas de risco de vida, segundo a Associação Americana de Tireoide.

Se cistos benignos são incapazes de ser eficazmente tratados por formas não-cirúrgicas e crescem o suficiente, ocasionando dificuldade em respirar ou engolir, então uma cirurgia também pode ser usada para removê-lo. A cirurgia só será considerada para crescimentos benignos devido a riscos que incluem danos aos nervos vocais ou às glândulas paratireoides que controlam o nível de cálcio no sangue.

Espere e veja

No caso de um crescimento benigno da tireoide de qualquer espécie, os médicos podem sugerir que aguarde por um tempo, de acordo com a Mayo Clinic. A observação do cisto pode ser a única precaução necessária se não houver um aumento de tamanho. Outra biópsia e exames físicos regulares podem ser necessários se ocorrerem alterações no crescimento.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível