Tratamentos naturais para gatos com problemas de fígado

Escrito por bethney foster | Traduzido por jesse mourao
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

A doença hepática não é incomum entre os gatos, principalmente em felinos mais velhos. São precisos cuidados veterinários para que seu gato se recupere de alguma condição de hepatite. No entanto, os tratamentos naturais podem desempenhar um papel no processo de cura do gato. Você pode consultar seu veterinário ou um veterinário holístico para discutir a adição de tratamentos naturais.

Outras pessoas estão lendo

Os sintomas

Nos estágios iniciais de uma doença de fígado, os sintomas incluem vômitos, perda de apetite, perda de peso, fezes moles e/ou cinzentas, fraqueza e apatia.

Conforme a doença progride, os sintomas podem avançar para icterícia, convulsões e um abdômen inchado devido o acúmulo de fluidos.

Em estágios mais avançados, os sintomas incluem nervosismo que se manifestará em movimentação em círculo, pressão da cabeça, movimentos sem destino e possível agressão. O gato pode ter um andar cambaleante, perder sua visão, ser agressivo e cair em coma. Estes sintomas são causados ​​pelo acúmulo de toxinas no cérebro do animal.

Diagnóstico

Seu veterinário irá fazer um diagnóstico prévio baseado nos sintomas do seu gato. O médico também irá fazer exames de sangue e possíveis exames de raios-x. Em alguns casos, uma autópsia de fígado pode ser realizada.

O tratamento convencional

O tratamento convencional para a doença hepática em gatos depende das causas da doença. Os tratamentos podem incluir a administração de fluidos intravenosos, antibióticos, laxantes, transfusões de sangue, corticosteroides, ácido ursodesoxicólico, colchicina, suplementos vitamínicos e minerais e uma dieta rica em calorias. Se a causa da doença é o câncer ou um tumor, a quimioterapia pode ser aplicada.

Tratamento homeopático

O tratamento homeopático pode ser usado como tratamento de suporte junto com um tratamento convencional. Se você quer tratar doenças do fígado do seu gato apenas com remédios naturais, você deve consultar um veterinário homeopático. Seja qual for o tratamento escolhido, consulte o seu veterinário primeiro.

A homeopatia examina a saúde geral de um animal, incluindo o seu ambiente e dieta, como parte do tratamento. Um veterinário homeopático pode incluir dieta, ervas, minerais, acupuntura e outros medicamentos naturais para o tratamento do felino.

Dieta

A dieta do gato é um fator importante no tratamento de doenças de fígado do seu gato, pois o fígado tem a capacidade de se regenerar e curar-se. Uma dieta equilibrada, baseada em pequenas e frequentes refeições em grãos de fácil digestão e baixa gordura, pode ajudar a minimizar o trabalho necessário do fígado.

Cardo de leite

O cardo de leite é a erva mais utilizada no tratamento de doenças do fígado em animais de estimação. As pesquisas indicam que essa planta pode ajudar a estimular a função do fígado, proteger as células do fígado contra danos, reparar as células danificadas e promover o fluxo da bílis. Acredita-se, também, que o cardo de leite ajuda na melhoria e regulação da digestão e na remoção das toxinas do corpo do gato.

Dente-de-leão

Dente-de-leão é outra erva popular no tratamento de doença hepática em gatos. Esta erva tem sido usada por muitos anos para ajudar a estimular a função do fígado e aumentar o fluxo da bile. Acredita-se que ela ajude a aliviar a icterícia, aumentar o apetite e limpar as toxinas do corpo do felino.

Ervas fitoterápicas / minerais

Os medicamentos fitoterápicos e minerais podem desempenhar um papel no tratamento de doenças do fígado em gatos. Alguns tratamentos comumente usados, sozinhos ou em combinação com esteroides, outros medicamentos e/ou outras ervas e tratamentos holísticos, incluem a bardana, o fosfato sódico e o extrato de açafrão.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível