Saúde

Como tratar os acrocórdons (pólipos fibroepiteliais) de pele

Escrito por ehow contributor | Traduzido por lucas de barros
Como tratar os acrocórdons (pólipos fibroepiteliais) de pele

Aprenda a tratar acrocórdons corretamente

Os acrocórdons (pólipos fibroepiteliais ou fibromas moles) são pequenos tumores de pele benignos, geralmente ligados à pele circundante por uma haste ou caule. Eles podem ter várias formas e tamanhos diferentes. São mais comumente encontrados na região da virilha, nos braços, no peito, no pescoço e nas pálpebras.

Nível de Dificuldade:
Moderada

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Dermatologista

Lista completaMinimizar

Instruções

    Escolha a melhor opção para tratar seus acrocórdons de pele

  1. 1

    Não faça nada. Você e seu dermatologista podem decidir que nenhum tratamento seja necessário, uma vez que um acrocórdon é benigno. Ele não se transformará em câncer nem causará dor a menos que seja em um local que esteja em fricção ou irritação com a roupa.

  2. 2

    Trate as irritações cobrindo a ferida com um curativo ou use cremes ou pós para manter o acrocórdon longe roupas e outras partes da pele.

  3. 3

    Congele o acrocórdon com nitrogênio líquido, da mesma forma que as verrugas são tratadas. Normalmente o dermatologista mergulha uma pinça hemostática (um instrumento que se parece com uma combinação entre um par de pinças e um par de tesouras) em nitrogênio líquido e depois agarra o talo do fibroma suavemente durante quinze segundos. Você poderá sentir uma sensação de ardor ou queimação. O fibroma deve cair entre 7 e 10 dias.

  4. 4

    Bloqueie o fornecimento de sangue para o acrocórdon. O seu dermatologista deve amarrar um pedaço de fio firmemente em torno do caule, evitando que o fibroma receba qualquer quantidade de sangue. Esse procedimento pode ser um pouco desconfortável. Ele geralmente cai em poucos dias.

  5. 5

    Extraia o acrocórdon. Uma excisão -- remoção cirúrgica de um fibroma de pele -- pode ser rapidamente realizada no consultório de um dermatologista. Muitas vezes, o único equipamento necessário é um par de tesouras afiadas. Alguns médicos nem sequer usam anestésico local, admitindo que a dor da picada da injeção seja pior do que o corte rápido do acrocórdon.

Dicas & Advertências

  • Os acrocórdons parecem ocorrer quando a camada externa da pele cresce muito rapidamente. Os dois maiores fatores de risco estão associados à idade (pessoas com mais de 30 anos são vulneráveis​​) e ao sexo (as mulheres os desenvolvem com mais frequência do que os homens).
  • Eles são difíceis de tratar, pois muitas vezes voltam a crescer depois de serem removidos.
  • Certos tipos de câncer de pele podem ser parecidos com os acrocórdons, por isso é importante deixar o seu dermatologista examinar sua pele para ter certeza de que sua condição realmente é benigna.
  • Por conta de riscos como infecção ou sangramento excessivo, a remoção de um acrocórdon não pode ser feita por conta própria. Se você quer removê-lo, consulte o seu dermatologista.

Mais galerias de fotos

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media