Como tratar TDAH com suplementos

Escrito por jess jones | Traduzido por lara scheffer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

O diagnóstico do TDAH, ou Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade, tem crescido por vários anos e a proeminência desse problema em crianças em idade escolar tende a continuar subindo nos próximos anos. Muitos médicos prescrevem — e muitas pessoas dizem que prescrevem "até demais" — remédios potentes para combater os sintomas do TDAH, como anfetaminas e a ritalina. No entanto, os efeitos colaterais desses medicamentos podem ser bem severos e variar de episódios de exaustão completa até a total falta de apetite. Antes de tomar a decisão de dar esses medicamentos ao seu filho, continue lendo.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Multivitamínicos (Para crianças ou adultos, dependendo do paciente com TDAH)
  • Suplementos de magnésio, de acordo com a dose diária abaixo:
  • Crianças de 0 a 3 anos - 80 mg
  • Crianças de 4 a 8 anos - 130 mg
  • Crianças de 9 a 13 anos - 240 mg
  • Homens adultos e adolescentes - 400 mg
  • Mulheres adultas e adolescentes - 300 mg

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Para começar, garanta que o paciente com TDAH tenha uma dieta balanceada, com poucos alimentos que contenham corantes ou sabores artificiais e evitando doces.

  2. 2

    Dê um multivitamínico apropriado para a idade do paciente todos os dias, preferencialmente pela manhã.

  3. 3

    Compre suplementos de magnésio em uma farmácia. Observe o gráfico já citado para garantir que comprará o suficiente para mais do que um dia ou dois.

  4. 4

    Dê os suplementos de magnésio ao paciente. Tenha cuidado para não dar mais do que a dosagem recomendada.

Dicas & Advertências

  • Acredita-se que o nível elevado de atividade melhore alguns dos sintomas do TDAH.
  • Aumentar o consumo de nozes, vegetais verdes frescos e proteínas magras pode ser benéfico para o paciente com TDAH.
  • Consulte seu médico sobre a possibilidade de alergias alimentares na criança com TDAH, pois muitos especialistas perceberam relações entre os comportamentos hiperativos e as alergias.
  • Consulte o médico do paciente antes de dar os suplementos a alguém com TDAH para descartar possíveis efeitos colaterais.
  • Nunca dê ou tome mais do que a dosagem recomendada de qualquer suplemento ou vitamina.
  • Crianças nunca devem manusear ou administrar qualquer medicamento ou suplemento sem supervisão.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível