Como tratar o vírus HPV

Escrito por cassandra tribe | Traduzido por débora sousa
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como tratar o vírus HPV
O vírus HPV pode ser tratado (shati.org)

O papilomavírus humano (HPV) é uma doença tratável que exige não só monitoramento regular por um médico, mas a participação do paciente no sentido de assegurar que o vírus HPV não se desenvolva em nenhuma das várias doenças mais graves ligadas a ele, incluindo o câncer cervical. Existem mais de 100 tensões do vírus HPV e testes apropriados são necessários para identificar a que está presente e para formular um plano de como tratá-lo. Não importa qual tipo você tem, há coisas que podem ser feitas para ajudar a controlá-los.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Resultados dos testes HPV
  • Gráfico de tensão HPV
  • L-lisina
  • B-12
  • Betacaroteno
  • Solução de podofilox 0,5%
  • Podophyllum
  • Ácido tricloroacético 80-90%

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Pegue os resultados do seu teste do vírus HPV e circule as tensões que você tem, que serão identificadas por números no teste. Anote o número da estirpe em um pedaço de papel.

  2. 2

    Localize os números das tensões em um gráfico de tensão HPV. Anote o nome das tensões ao lado do número que você escreveu no papel. Os números 16, 18, 31, 33 e 35 são os únicos atualmente associados com o câncer cervical. As outras estirpes do HPV aparecem na forma de verrugas genitais ou na pele. Anote as tensões que estão presentes, quase todas as pessoas que tem positivo no teste para o vírus HPV possuem várias estirpes presentes.

  3. 3

    Trate as tensões do vírus HPV que causem verrugas genitais ou na pele aplicando uma solução tópica de podofilox de 0,5%, podophyllum e ácido tricloroacético de 80% a 90% assim que a verruga aparecer. Se a aplicação repetida da solução não for eficaz em reduzir ou eliminar a verruga, consulte o seu médico acerca de congelá-las (crioterapia) ou removê-las cirurgicamente.

  4. 4

    Consulte o seu médico para acompanhar de perto o vírus HPV se as tensões forem as associadas ao câncer cervical. Ele pode recomendar a cirurgia eletrocautéria ou uma menor para remover as áreas infectadas com a estirpe.

  5. 5

    Anote os principais fatores de estresse na sua vida. O vírus HPV mostrou-se inflamar em relação aos níveis de stress do corpo. O Dr. Carolyn Y. Fang, do Fox Chase Cancer Center, declarou na edição de fevereiro da revista Annals of Behavioral Medicine que as mulheres com o vírus HPV (linhagem 16) têm enfraquecido as reações imunológicas devido ao estresse. Identificar as áreas de estresse na sua vida e buscar reduzi-los através da reorganização, da meditação e de melhores condições de vida ou mudança no estilo de vida podem ajudar o seu corpo a manter o foco no processo de cicatrização.

  6. 6

    Adicione os suplementos L-lisina, B12 e betacaroteno à sua alimentação diária. Muitas pessoas com HPV e seu vírus relacionado, Herpes, estão descobrindo que as propriedades antivirais e redutoras de estresse desses suplementos estão ajudando a conter o vírus e acelerar a cicatrização. Os primeiros estudos publicados no volume 59, número S23 da Revista de Biologia Celular e elaborado sobre o trabalho feito no Anderson Cancer Center na Universidade do Texas, estão levando muitos médicos a apoiarem a adição desses suplementos à dieta diária de mulheres com o vírus HPV.

Dicas & Advertências

  • O HPV é transmitido através do contato sexual desprotegido e pelo contato direto com verrugas genitais e cutâneas. Evite tocar diretamente as verrugas ou ter relações sexuais desprotegidas.
  • O HPV é um vírus que pode estar presente e inativo em uma mulher. Exames regulares de papanicolau são necessários para evitar um surto de desenvolvimento do vírus em uma doença mais grave.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível