×
Loading ...

Treinando gatos para não atacar pássaros de estimação

Atualizado em 17 abril, 2017

Os desenhos animados podem nos fazer achar que é impossível que gatos e pássaros convivam juntos, mas com o treinamento certo é possível sim. Quando trouxer para casa um pássaro é importante não separar o gato e pássaro colocando a gaiola em um cômodo fechado ou em um lugar da casa que o gato não vá. Criar uma distância entre os animais só deixará o gato curioso e despertará seu instinto de predador, podendo resultar em tragédia se alguém esquecer de fechar a gaiola e o pássaro voar pela casa. Siga alguns passos para treinar seu gato a não atacar o pássaro.

Sempre supervisione a interação entre gatos e pássaros de estimação (Getty Images)

Gaiola

O primeiro passo para treinar o gato a não atacar pássaros é comprar uma gaiola grande e firme para proteger seu pássaro. Não compre uma gaiola leve com grades espaçadas, assim o gato não consegue derrubar a gaiola ou passar a pata para dentro. O pássaro deve ter espaço suficiente para se mexer dentro da gaiola longe do gato, caso este coloque a pata nas grades. As barras da gaiola não devem ter mais de 1,27 cm de distância entre si. Gaiolas pesadas são feitas de aço inox ou ferro forjado.

Loading...

Local

Encontre um lugar para a gaiola que permita que o gato curioso inspecione o perímetro e conteúdo. Para diminuir o estresse do gato ao ser vigiado, coloque brinquedos na gaiola como galhos, para permitir que seu pássaro se esconda caso se assuste com o gato. Não deixe a gaiola no chão: coloque-a em uma mesa ou prateleira baixa onde não poderá ser derrubada facilmente. É importante deixar a gaiola acessível ao gato para ele se acostumar a ter o pássaro por perto. Quanto mais acostumado o gato estiver de ficar perto do pássaro, menos chances tem dele atacar quando você não estiver por perto.

Supervisão

Quando encontrar o lugar ideal para a gaiola, seu gato estará curioso e irá querer explorar o pássaro, de acordo com o site avianweb.com. A supervisão é importante durante essa fase do treinamento, pois os gatos são predadores naturais e instintivamente podem querer machucar os pássaros que estiverem acessíveis. Olhe seu gato enquanto ele explora o perímetro da gaiola. Depois de alguns dias, deixe ele cheirar o pássaro enquanto você segura firme nas mãos. Monitore de perto os movimentos do gato e grite "Não" caso ele faça barulho para o pássaro ou tente brincar batendo na cabeça do pássaro enquanto você segura.

Persistência

Ser persistente é importante na hora de treinar seu gato para conviver com um pássaro. Continue deixando ele acostumar com o pássaro na gaiola. Permita uma interação supervisionada entre eles com o pássaro fora da gaiola até perceber que seu gato está sob controle. Elogie o gato quando ele abordar o pássaro de uma maneira não ameaçadora.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...