Como visitar a Grécia em uma semana

Escrito por jillian downer | Traduzido por regina fleck
Como visitar a Grécia em uma semana
Mergulhe na história grega em uma semana intensa (Medioimages/Photodisc/Photodisc/Getty Images)

A Grécia ocupa uma imensa porção de terra no Sul da Europa e é um país rico em tradição e história. Logo, é um lugar perfeito para se visitar em sua próxima aventura pela Europa. Visitar a Grécia em uma semana requer planejamento. Em um mundo ideal, você teria todo o tempo do mundo e toda a liberdade para conhecer este país maravilhoso, mas uma semana é o tempo de que dispomos, em geral, para tirar férias. Neste artigo, damos dicas para explorar apenas a porção continental da Grécia. O tour pelas ilhas fica para a sua próxima aventura.

Instruções

  1. 1

    Reserve hotéis. O itinerário abaixo vai levá-lo por diversas cidades, de modo que você vai precisar reservar vários hotéis. Embora você possa procurar quando chegar, isso não é recomendável, porque a Grécia é um destino muito procurado e diversas cidades pequenas têm um número bem limitado de opções de hospedagem.

  2. 2

    Alugue um carro. O itinerário abaixo supõe que você vai estar dirigindo. Embora fazer excursões de um dia com seu hotel seja uma opção, ela não oferece toda a flexibilidade de viajar de carro. Além disso, excursões vão levar você de volta para Atenas, e este roteiro supõe que você vai viajar de carro toda a semana. Dirigir na Grécia não é difícil, mas certifique-se de que sabe toda a sinalização básica, já que grego não é uma língua lá muito fácil de entender. Além disso, certifique-se de que a locadora de veículos tem um quiosque no aeroporto, para facilitar sua chegada.

  3. 3

    Chegue em Atenas. Quando tiver chegado e se instalado no hotel, vá até a Praça Sintagma e assista à troca da guarda. Em seguir, vá até Plaka, uma pequena região da cidade cheia de lojas e cafés. Há várias lojas que são verdadeiras armadilhas para turistas, vendendo quinquilharias baratas, mas as lojas de sandálias e as roupas legítimas valem a viagem. Sente-se em um café e aprecie um café grego, espesso e pesado, e muito apreciado pelos moradores da região.

  4. 4

    Explore Atenas. Atenas é uma cidade incrível, mas se você quiser ir aos grandes monumentos, dois dias já são suficientes. O Partenon e a Acrópole são obrigatórios. Chegue cedo para evitar a multidão, e leve o seu guia consigo, para compreender toda a história por trás destes monumentos. Se ainda tiver tempo pela manhã, visite o Templo de Zeus, o Monte Licabeto e o Estádio Panathinaiko.

  5. 5

    Vá em direção ao mar. Pela tarde, depois de ter explorado o Partenon, vá para o sul, para conhecer o Templo de Poseidon, no Cabo Sunião. Marque uma excursão com o seu hotel ou vá de carro. Se dirigir, leve um mapa e procure obter instruções detalhadas com os funcionários do hotel. Um GPS é sempre útil nestes momentos. O poeta inglês Lord Byron gravou sua assinatura neste templo, de onde é possível ter uma vista espetacular do Egeu. Faça um piquenique por lá e espere pelo pôr-do-sol antes de voltar para Atenas.

  6. 6

    Comece sua viagem de carro. Siga em direção a Olímpia, que fica a 5 horas de Atenas, mas você vai querer parar várias vezes ao longo do caminho, então planeje chegar em Olímpia à noite. Pare antes de atravessar o Canal de Corinto, para ver o encontro do Mar Jônico com o Egeu nesta longa estrutura construída pelo homem. Assim que chegar em Olímpia, procure um restaurante e experimente o Uzo, um licor tipicamente grego. Vá para a cama cedo e recarregue as energias para aproveitar o dia seguinte, que será muito movimentado.

  7. 7

    Visite Olímpia. Olímpia é uma cidade relativamente pequena, sede do Estádio Olímpico original. O sítio arqueológico da cidade antiga foi muito explorado e oferece uma bela história da cidade e seu rico passado. Siga o seu ritmo, caminhe pela cidade e não se esqueça de visitar o museu.

  8. 8

    Coma um gyro. Se você é fã de comida grega, a Grécia vai ser um paraíso. A comida aqui é pesada, e óleo de oliva é comum como água, então não se surpreenda se o seu estômago levar um tempo para se adaptar, porque quando isso acontecer, você estará no paraíso grego. Não deixe de experimentar azeitonas pretas, queijo feta e óleo de oliva quando estiver lá, e não tenha medo dos vendedores de rua, que oferecem os pratos mais autênticos e saborosos na Grécia.

  9. 9

    Visite Lepanto. Localizada entre Olímpia e Delfos, você vai ter de atravessar a Ponte Rio-Antirio, que vai conduzi-lo para fora da Península do Peloponeso. A ponte foi construída para as Olimpíadas de 2004 e pode valer à pena parar para assistir ao vídeo de 15 minutos, subir no deck da ponte e contemplar a vista. Quando tiver atravessado a ponte, você vai chegar em uma pequena cidade litorânea chamada Lepanto, uma pérola do Mediterrâneo. Estacione seu carro e explore o labirinto de ruas de paralelepípedos e a longa faixa costeira. Aproveite a cidade no seu ritmo; faça compras, coma, relaxe e espaireça antes de seguir em direção a Delfos.

  10. 10

    Visite Delfos, um dos maiores sítios arqueológicos da Grécia. Delfos localiza-se no topo das montanhas e oferece vistas extraordinárias. Leve sapatos confortáveis para caminhar, pois há uma subida. Não saia sem conhecer o museu.

  11. 11

    Siga ao Norte, em direção aos Monastérios em Metéora. Metéora pode ser considerado o lugar mais legal na Grécia e você não deve, sob quaisquer circunstância, deixar de conhecer. Trata-se de uma comunidade de monastérios nas montanhas além do Kalambaka que vão tirar o seu fôlego. Metéora significa "flutuando no ar" e é exatamente a impressão que estes monastérios passam. Faça uma visita guiada para conhecer toda a história por trás destas construções e leve filmes ou bateria extra para não perder a oportunidade de fotografar este lugar único.

  12. 12

    Volte para Atenas, para pegar seu voo de volta. Kalambaka fica a 3 ou 4 horas de Atenas, cerca de 370 km, dependendo do trânsito, então saia com antecedência, para evitar que contratempos façam com que você perca seu voo.

Dicas & Advertências

  • Leve uma saia longa para vestir em monastérios e igrejas. A maioria dos lugares tem algumas para emprestar, mas nunca se sabe com que frequência são lavadas ou quantas pessoas já usaram.
  • Assim como em qualquer outro lugar, preste atenção ao seu redor e tome cuidado com os batedores de carteira.
Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível