Saúde

Quanto tempo uma pessoa pode viver com câncer de pulmão?

Escrito por rene f. najera | Traduzido por vanessa santos
Quanto tempo uma pessoa pode viver com câncer de pulmão?

Parar de fumar pode prolongar sua vida

Image by Flickr.com, courtesy of Ulisse Albiati

O câncer de pulmão mata atualmente quase 160 mil pessoas nos Estados Unidos. Ele pode destruir a habilidade dos pulmões de levar oxigênio ao sangue, ou as células cancerígenas ainda podem viajar para outros órgãos vitais. A sobrevivência ao câncer depende de muitos fatores, variando das condições de saúde antecedentes do paciente até a rapidez com que a doença foi detectada. Felizmente, um grande risco deste câncer pode ser evitado, que é o hábito de fumar.

Outras pessoas estão lendo

Câncer de pulmão

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer, em 2009, mais de 219 mil novos casos de câncer de pulmão foram diagnosticados e quase 160 mil pessoas morreram. O câncer do tipo primário ocorre quando as células do pulmão começam a se multiplicar rapidamente e sem controle. O secundário ocorre quando as células cancerígenas migram para outras partes do corpo e continuam a se multiplicar no pulmão.

Morte por câncer de pulmão

A morte ocorre quando o pulmão não tem mais a capacidade de pegar o oxigênio e enviá-lo aos vasos sanguíneos, devido ao dano por causa do câncer. Uma pessoa com este câncer também pode morrer quando as células cancerígenas viajam até outros órgãos vitais, danificando suas funções. Por exemplo, as células podem viajar até o fígado, causando câncer de fígado, outra doença com risco de vida.

Sobrevivência ao câncer

A sobrevivência ao câncer é medida com taxas de sobrevivência de cinco anos. Elas medem a porcentagem de pacientes com câncer que estão vivos após cinco anos de seus diagnósticos. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer, 15,6% das pessoas com câncer de pulmão sobrevivem cinco anos com a doença. Essa taxa varia de acordo com o estágio do câncer quando ele foi identificado. Se for localizado (estágio inicial), então a taxa sobe para 52,6% dos casos. Se o câncer já se espalhou para outros pontos, então a taxa de sobrevivência é de apenas 8,5%.

Sobrevivendo ao câncer de pulmão

Sobreviver ao câncer de pulmão depende de vários fatores, como a saúde de forma geral, o tipo e a qualidade dos cuidados médicos recebidos e as coisas que a pessoa faz para manter-se saudável durante o curso da doença. Se o paciente não tiver antecedentes de doenças, poderá resistir ao câncer e ao tratamento melhor do que alguém que teve alguma outra doença. Parar de fumar, se for o caso, também ajudará a sobreviver ao câncer.

Prevenção

A melhor maneira de sobreviver ao câncer é evitá-lo. Fumar é um grande fator de risco para o câncer de pulmão devido às conhecidas substâncias cancerígenas presentes no tabaco. Condições ambientais, tais como exposição ao amianto, também são fatores de risco. Finalmente, fatores genéticos que não podem ser evitados entram em cena, então aqueles que têm uma família com histórico de câncer de pulmão devem estar alertas para exames de diagnóstico de câncer.

Mais galerias de fotos

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media