×
Loading ...

Como acostumar um cão com a muleta de Thomas

A muleta de Thomas é uma tala para caminhada. Em cães, ela geralmente é usada para fraturas na perna. Um molde de alumínio enrolado com bandagens mantém a perna do cachorro perfeitamente reta e rígida, ainda permitindo que o animal saia de casa para fazer as necessidades. A maior parte dos cães não se acostuma facilmente nos primeiros dias, mas existem meios de ajudá-los quanto a isso.

Instruções

Uma muleta de Thomas em um rottweiler (Author photo)

    Como acostumar um cão com a muleta de Thomas

  1. A coisa mais difícil para um cão se acostumar é a caminhar sem escorregar. A parte de baixo da tala geralmente tem uma bandagem extra ou uma meia, o que deixa mais custosa a caminhada em pisos lisos. Caso o seu cão seja grande demais para carregá-lo sobre pisos de madeira ou PVC, faça um corredor de carpete no caminho até a saída. Alguns cães vão aprender a simplesmente não colocar a pata no chão em pisos lisos, pois vai terminar inevitavelmente em um tombo. Outra opção para cachorros de grande porte é enrolar uma toalha embaixo da sua barriga para que ela sustente o cão e o impeça de cair.

    Loading...
  2. A muleta precisa ser mantida seca, o que pode ser muito difícil, uma vez que o cão precisa usá-la por algumas semanas para reparar a perna fraturada. Se tem um cão com pelo comprido, seu veterinário pode fazer uma tosa higiênica para ajudar a mantê-lo limpo. O cão não poderá se agachar e a tala sujará facilmente. Amarrar um plástico na tala toda vez que o cão sair de casa para fazer suas necessidades pode ajudar, mas tenha cuidado, pois o plástico pode cair facilmente. Uma tala molhada com urina pode irritar e queimar a pele.

  3. Caso o seu cão suje a tala, limpe-a com um pano úmido e um sabão suave (xampu de cachorro serve). Então seque com um secador de cabelos. Use temperatura fria ou morna, nunca a quente, e não chegue muito perto da pele. Colocar sua mão sobre as áreas que estão secando permite que você saiba se está quente demais para seu cão. Uma vez seca, salpique talco veterinário por toda a área.

  4. O cão pode tentar morder ou mastigar a tala, ou ainda pode lambê-la demais, o que vai deixá-la úmida e irritará a pele. Infelizmente, a única maneira de impedir que o cão faça isso é usar um colar em forma de cone conhecido como colar elizabethano. Se for o caso do seu cão, ele pode ter dificuldades para comer e beber nos potes. Coloque os potes de água e comida em lugares mais altos e não muito perto de paredes, para deixar mais fácil.

  5. Naturalmente, você pode, ao invés de levar seu cão para fazer as necessidades fora de casa, deixá-lo preso e sem movimentação. Quando os cães se acostumam com a tala, eles pensam que podem sair para brincar, mas não se deve permitir. Seu cão provavelmente vai se estressar e entristecer. Ossos e brinquedos de mastigar são boas opções para manter seu cão ocupado.

Loading...

Dicas

  • Mantenha atenção na bandagem para ter certeza que ela está intacta. Seu veterinário pode querer conferir o progresso do seu cão semanalmente. Avise-o caso a bandana esteja afrouxando em alguma parte.
Loading ...
Loading ...