Calculando a quantidade de madeira para fazer um deck

••• Thinkstock/Comstock/Getty Images

Se dinheiro não fosse fundamental, a construção de um novo deck seria muito mais simples e menos intimidante. Mesmo nas melhores épocas da economia, a madeira é cara. O cálculo da quantidade da madeira necessária para finalizar seu projeto pode evitar precisar voltar à loja. Essa é uma tarefa que leva tempo e exige um caminhão ou trailer capaz de transportar madeira, mas ajuda a evitar a compra de material em excesso. Com um pouco de prática e concentração, você será capaz de estimar a madeira necessária para qualquer projeto.

Calculando o piso do deck

Passo 1

Pegue uma fita métrica e determine comprimento e profundidade da área em que pretende construir seu deck. Meça e use estacas para delinear a área, conectando os postes com barbante ou um outro tipo de fio para auxiliá-lo a visualizar o projeto.

Passo 2

Anote as dimensões do deck em um pedaço de papel milimetrado ou em um caderno. Saber essas medidas será útil durante o processo de construção e deve auxiliá-lo a visualizar o rascunho de seus planos. O tamanho do deck é uma parte dessa informação.

Passo 3

Multiplique o comprimento pela profundidade para achar a área do deck. Por exemplo, um deck com 3,35 m de comprimento e 3,04 m de profundidade -- a distância da casa até o gramado, onde o deck termina -- tem 10,21 m².

Passo 4

Para seus cálculos, use as medições reais, e não nominais.

Passo 5

Calcule a metragem linear do piso dividindo a área do deck (m²) pela largura das tábuas em metros. Por exemplo, 10,21 m² cobertos com piso 38 mm x 89 mm exigem 11,47 metros lineares.

Passo 6

Adicione 15% a 20% às suas medições para compensar quaisquer erros ou surpresas. Assim, 16,5 m passam a ser 19,8 m: 16,5 x 1,2 =19,8. Use essa medição quando fizer o pedido à madeireira.

Calcule outras tábuas para o deck

Passo 1

Jupiterimages/Photos.com/Getty Images

Faça o rascunho do deck em papel milimetrado desenhando quaisquer postes, corrimões e detalhes similares. Alternativamente, aponte os planos de projetos que você está usando para construí-lo ou baseie-se no deck de algum conhecido para determinar os detalhes.

Passo 2

Crie listas para cada tipo de tábua que você precisará. Identifique a primeira coluna e anote a metragem linear ou as peças individuais, se conhecidas. Faça seções similares para postes, feixes, vigas, trilhos e quaisquer extras, como escadas ou bancos.

Passo 3

Conte as peças exigidas para cada seção com base em seu projeto. Embora algumas peças sejam bastante simples, vigas, por exemplo, devem se estender para fora da construção a cada 40 cm -- muitas são variáveis. Corrimões em volta do deck, por exemplo, podem ter postes de 38 mm x 89 mm a cada 40 cm ou menos ou postes de 38 mm x 140 mm a até 2,4 m de distância. Madeiras de guarnição dependem das medidas do perímetro de seu deck.

Passo 4

Calcule o tamanho das tábuas necessárias avaliando a relação entre a quantidade de cada item e a disposição no deck. As vigas devem medir 38 mm x 140 mm, por exemplo, e, os feixes de suporte, 89 mm x 140 mm. Se você também usar tábuas de 38 mm x 140 mm para o piso e o corrimão da escada, você deve considerar a contagem de piso mais a contagem das vigas e duas tábuas adicionais para as escadas. Mantenha apenas a contagem das tábuas 89 mm x 140 mm, pois dificilmente serão usadas em outras aplicações no deck.

Passo 5

Adicione 15% a 20% do valor a cada contagem de peça para ter uma margem de erro e evitar surpresas. Se você calcular 10 tábuas para seu corrimão, por exemplo, compre 12.

Mais recentes

×