Como diminuir o pH nas piscinas

••• Pixland/Pixland/Getty Images

Quem possui uma piscina deve sempre ficar atento ao pH da água. A variação normal do pH em uma piscina residencial costuma estar entre 7.2 e 7.6. O pH do olho humano é de 7.2 a 7.4, e caso o pH da água estiver muito maior que isso, os olhos ficaram vermelhos e com coceira. O pH alto também pode resultar em água suja, crescimento de algas, entupimento dos filtros da piscina e acúmulo de cálcio na superfície da mesma. O modo mais rápido para diminuir o pH de sua piscina é adicionar ácido muriático na água.

Passo 1

Teste o pH da água da sua piscina. Use a faixa de teste do conjunto de teste e calcule o pH seguindo as direções. Se ele estiver acima de 7.6, você precisará abaixá-lo para mantê-lo na medida apropriada.

Passo 2

Ligue a bomba da sua piscina para que a água circule. Antes de você adicionar o ácido na água, tenha certeza de que não há nenhuma pessoa dentro da piscina.

Passo 3

Coloque um par de luvas e óculos de segurança. O ácido muriático é muito perigoso e seu contato com o corpo pode levar a sérias queimaduras.

Passo 4

Vá até a parte mais profunda da piscina. Abra o frasco de ácido muriático lentamente. Segure o bico logo acima da superfície da água para que não espirre quando você for despejar.

Passo 5

Despeje cerca de 800 ml do ácido para diminuir o pH em 1ppm (partes por milhão) em uma piscina residencial de 75.000 litros. Se você precisar diminuir o pH em 2, dobre a quantidade e despeje 1,6 litros do ácido na água. Siga a razão de 800 ml para cada 1 (uma unidade) que você precisa diminuir no pH.

Passo 6

Deixe-o misturar com a água por seis horas e depois teste novamente o seu pH. Repita o passo acima se necessário. Espere até o próximo dia para poder utilizar a piscina.

Mais recentes

×