Como escrever a conclusão de uma autobiografia

••• writing image by sasha from Fotolia.com

Realizar uma autobiografia é uma decisão que facilmente pode intimidar até mesmo os escritores mais maduros. Escrever uma autobiografia requer do autor reflexão sobre suas experiências pessoais e um exame rigoroso sobre suas próprias crenças. Ao concluir um trabalho autobiográfico, um escritor normalmente tenta finalizar os pontos em aberto, ponderar as principais crenças e às vezes motivar os leitores a tomarem atitudes.

Passo 1

Escolha mostrar a sua vida de uma ou duas maneiras, como algo inacabado e mutável ou como algo acabado e definido. Ao elaborar a conclusão da sua autobiografia, o tom do seu discurso deve condizer levemente com o seu atual ponto de vista. Por exemplo, se você estiver seguindo uma nova carreira, você pode querer representar a si como alguém aberto a experiências inovadoras. Se você é um profissional estabelecido, deve expressar os seus feitos do passado como experiências basilares onde o seu caráter reside.

Passo 2

Finalize os pontos em aberto. Uma boa autobiografia possui uma variedade de questões e temas. Como autor de uma biografia, você apresenta seus leitores a várias pessoas, lugares e ideias. O capítulo final da sua autobiografia é o lugar apropriado para responder questões ou resolver assuntos prolongados que possivelmente surgirão na mente dos leitores.

Passo 3

Avalie as suas principais crenças. Nas palavras finais de suas autobiografias, os escritores frequentemente tentam sumarizar concisamente suas filosofias de vida e suas convicções mais custosas. Se não se sentir confortável o suficiente para expor diretamente suas crenças mais pessoais aos leitores na sua autobiografia, comente sobre uma citação profunda e provocadora de algum pensador influente.

Passo 4

Diferencie-se dos outros. Ao optar por escrever uma autobiografia, você está reconhecendo que sua vida é única. Toque nesse ponto ao concluir a sua autobiografia, deixando claro aos leitores o valor distinto dos seus feitos ou de suas ideologias. Reconheça seus defeitos e suas virtudes.

Passo 5

Motive os leitores a tomarem atitudes. Se um leitor demonstrou paciência o suficiente para ler toda a sua autobiografia, dá para assumir que ele é o seu aliado. Alguns escritores de autobiografias utilizam seus capítulos finais para jogar uma questão na qual os leitores sintam-se envolvidos.

Por exemplo, nas páginas finais de sua autobiografia em "Beyond Innocence: An Autobiography in Letters", a Dra. Jane Goodall afirma com entusiamo o valor do seu programa de preservação da juventude, o Roots & Shoots, onde trabalhou como supervisora e teve o poder de fazer do mundo "um lugar melhor para sempre e para todos".

Mesmo que você esteja escrevendo uma autobiografia de uma página para anexar a um currículo, um meio eficiente de concluí-la é persuadir o leitor do seu currículo a lhe convidar para uma entrevista.

Mais recentes

×