×
Loading ...

Faça você mesmo um gerador eólico para gerar energia

Construir um gerador elétrico movido a vento pode reduzir ou eliminar totalmente a necessidade de uma rede elétrica. As partes principais de um gerador eólico são as ventoinhas giratórias, o sistema de movimentação e o dínamo elétrico. Utilizando itens comuns que existem dentro de casa, um inventor de garagem mediano pode fabricar um gerador eólico em aproximadamente quatro horas.

É possível fazer um pequeno moinho em casa (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Construindo as ventoinhas

A principal força mecânica que irá gerar eletricidade é criada pelas ventoinhas principais, as quais giram por ação da pressão diferencial do vento. Quando este passa sobre a superfície da ventoinha, sua forma faz com que elas se movam afastando-se da brisa. Como a ventoinha está fixada a um suporte, e este contém múltiplas delas, o vento forçará todas em um movimento circular que pode ser transformado em energia mecânica. Uma ventoinha pode ser confeccionada com uma simples peça de madeira encaixada em um ângulo maior a 30 graus em relação ao suporte, quando vista de cima. É possível usar o suporte e as pás de um simples ventilador de teto. A ventoinha pode ser fixada ao suporte com pequenos parafusos ou ferrolhos, e o "suporte" pode ser uma roda de automóvel, eixo de bicicleta ou rolamentos similares.

Loading...

Fabricando o sistema móvel

Transforme o movimento das ventoinhas em energia mecânica fixando-as a um suporte central giratório. Muitos moinhos de vento leves utilizam partes de bicicletas para gerar uma pequena quantidade de energia, já que elas podem ser facilmente modificadas e localizadas. As ventoinhas podem ser aparafusadas ou encaixadas em um dos eixos do pedal e uma longa correia enrolada através da roda dianteira sem os pneus. Esta configuração simples fará com que a roda e a correia girem acionadas pelo vento.

Conectando o dispositivo gerador de eletricidade

A corrente de um moinho de bicicleta pode ser conectada a um gerador de energia usando uma roldana, que é uma parte padrão dos alternadores automotivos. O alternador é uma fonte ideal de energia, já que pode gerar uma grande quantidade de eletricidade em relação ao seu peso além da força requerida para fazê-lo girar. O alternador pode ser fixado à armação de uma bicicleta com parafusos ou por meio de solda, próximo ao lugar do selim. Ele deve ser alinhado com a corrente e a roda até que o ângulo faça com que a corrente deslize sobre a roldana. A maioria dos alternadores projetados para carros de passeio têm um regulador de voltagem interno, que é fundamental para a segurança do sistema.

Montando o conjunto

Ponha o conjunto sobre uma torre alta ou lugar elevado, para que fique exposto a rajadas de vento de mais de 24,14 km/h. Ventos mais fracos podem reduzir a potência de saída até níveis inúteis. A torre pode ser construída com madeira, metal ou qualquer outro material comum e deve ficar a mais de 75% do diâmetro de suas ventoinhas. Também é possível adicionar uma pá estabilizadora traseira e uma base giratória para permitir que o gerador vire com o vento, mas não é necessário.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...