Faça você mesmo uma pintura eletrostática

••• Jupiterimages/Photos.com/Getty Images

A pintura evoluiu muito desde o simples uso de pincéis e tintas espalhadas sobre uma superfície pronta. Novas formas de colocar pigmentos em superfícies têm tido sucesso no mundo industrial, por sua eficiência e rapidez comprovadas. Uma dessas técnicas é a pintura eletrostática - um processo pelo qual a característica grudenta da tinta é substituída por uma outra força de atração, usando a eletrostática a seu favor.

Vista o equipamento de segurança

Passo 1

Proteja seus olhos e pulmões usando óculos e uma máscara.

Passo 2

Prepare a superfície metálica para a pintura. Esta etapa é crucial, já que qualquer imperfeição na superfície pode comprometer o trabalho. Faça todo o processo de polimento e corrija os defeitos nas áreas que podem ter problemas na aplicação da resina. O metal deve estar completamente seco e livre de qualquer substância, como graxa.

Passo 3

Prepare o pó químico. O usado para a pintura eletrostática costuma ser armazenado em um recipiente que o deixa com alguma carga elétrica e, em seguida, colocado em uma arma de spray com a amperagem regulável de acordo com os requisitos da pintura. Esta configuração é usada para determinar a quantidade de base a ser usada na superfície de metal.

Passo 4

Aplique o spray à superfície metálica com a pistola. Se a carga do pó tiver sido devidamente calibrada com a do metal, ele deve grudar rapidamente na superfície. Essa tecnologia usa a intensa força atômica, que mantém juntos corpos com cargas opostas - de forma similar à poeira que sempre se acumula na tela do seu computador por causa da carga negativa do monitor.

Passo 5

Aplique uma camada para dar acabamento e garantir que a ligação entre o metal e a tinta permaneça, mesmo após a carga e a base preparada terem sido dissipadas.

Passo 6

Coloque a peça no forno, que deve estar configurado para que o acabamento seja ativado, para selar a superfície de metal e fixar permanentemente o pó químico.

Mais recentes

×