×
Loading ...

Como a flor de lis é relacionada com a igreja?

A flor de lis, que em francês significa flor de lírio, é um emblema heráldico que mostra três lírios juntos nos caules. Variações da flor de lis existiram por milhares de anos, mas ela é mais conhecida como um símbolo da cultura francesa. Ele tem sido aplicado em muitos outros grupos, incluindo divisões militares e alguns grupos de escoteiros, além de aparecer no brasão da realeza britânica. Em grande parte por causa de sua onipresença durante a Idade Média, a flor de lis aparece frequentemente na arte católica romana.

A flor de lis é um símbolo para o catolicismo e para a cultura francesa (Hemera Technologies/Photos.com/Getty Images)

Ligações com a realeza

Embora existam muitas lendas e mitos ao redor da flor de lis e sua associação com a França, a explicação mais plausível é que ela se tornou um símbolo da coroa francesa quando o Papa Leão III deu a Carlos Magno um estandarte azul coberto com uma flor de lis dourada em 800 d.C. Essa história é frequentemente confundida com os dizeres de que a Virgem Maria, ou um anjo, fez um presente similar para o primeiro rei cristão dos Francos, Clovis.

Loading...
A flor de lis possui associações com a realeza (Photodisc/Photodisc/Getty Images)

O simbolismo do lírio

Antes da coroação de Carlos Magno, o lírio foi um símbolo cristão da pureza virgem, e por extensão, da Virgem Maria. Isso surgiu a partir de uma passagem na Canção de Salomão sobre um campo de lírios que se acreditava ser um presságio do nascimento da virgem. Essa tradição pode ter ecoado a lenda de que quando Eva deixou o Jardim do Eden, derramou lágrimas que fizeram brotar lírios. O catolicismo tem uma reverência especial para Maria que é frequentemente expressada pela flor de lis.

França como um Estado cristão

Na Idade Média e nos primeiros períodos da idade moderna, a França foi considerada a personificação de um Estado cristão. Com as dinastias francesas tendo ligações com virtualmente todos os outros reinos europeus, muitas sociedades cristãs teriam suas culturas ligadas pela flor de lis. Isso foi importante para muitas famílias reais como um meio de afirmar o "direito divino" dos reis. Os árabes medievais frequentemente se referiam aos cruzados cristãos como "francos", então o símbolo da realeza francesa tinha muitas conotações cristãs.

A flor de lis na arte das igrejas

Quando a França estabeleceu o Novo Mundo, ela reteve sua identidade cristã e frequentemente trazia missionários para cristianizar os nativos. As igrejas francesas foram frequentemente decoradas com a flor de lis. Já que os estabelecedores franceses estavam frequentemente competindo com colonizadores ingleses protestantes, alguns deles podiam conectar sua herança católica com a flor de lis: ela pode frequentemente ser encontrada em igrejas em áreas estabelecidas pela França.

A catedral de St. Louis em Nova Orleans é nomeada em homenagem ao rei francês (Medioimages/Photodisc/Photodisc/Getty Images)
Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...