Como interromper diarreia em cavalos

••• Jupiterimages/Photos.com/Getty Images

A diarreia em cavalos, observada quando as fezes do equino se tornam aquosas e perdem sua forma normal de bolas, pode indicar um processo patológico no trato intestinal do animal. Como a diarreia pode ter muitas causas, pode ser necessário que um veterinário realize um exame completo e faça um diagnóstico antes de recomendar o tratamento para a cura do problema. Se a diarreia resultou de fatores de estresse, como uma longa viagem ou ansiedade de performance, adote algumas providências para interrompê-la sem o tratamento veterinário. Quando a diarreia persistir por mais de alguns dias, for consequência de parasitas, ocorrer em um potro recém-nascido ou envolver dor intestinal, chame um veterinário e inicie imediatamente o tratamento.

Diarreia induzida por estresse

Passo 1

Ofereça muita água ao seu cavalo, deixando-o beber à vontade; suplemente sua água com uma bebida esportiva para oferecer-lhe os eletrólitos necessários.

Passo 2

Ofereça mais fibras na alimentação do equino. Capim de feno, farelo de cereais e aveia ajudam o sistema digestório a absorver água. Retire seus doces e ração em grãos enquanto durar a diarreia.

Passo 3

Retire o animal de quaisquer situações que pareçam estressantes, deixando-o relaxar e retornar seu corpo à homeostasia.

Diarreia parasitária

Passo 1

Administre um vermífugo ao seu cavalo, de acordo com as instruções do veterinário. Se necessário, realize esse procedimento em vários dias sucessivos.

Passo 2

Dê muita água ao seu cavalo, com eletrólitos e fibras na alimentação.

Passo 3

Procure um tratamento veterinário se a diarreia continuar após a dose final do vermífugo.

Diarreia em recém-nascidos

Passo 1

Contate seu veterinário para tratamento se um potro recém-nascido tiver diarreia em 8 a 10 dias após o nascimento.

Passo 2

Permita que o seu veterinário administre protetores intestinais, agentes vermífugos e fluidos intravenosos ao animal, se necessário.

Passo 3

Limpe a traseira do potro todos os dias, removendo qualquer matéria fecal e lavando sua cauda.

Passo 4

Aplique vaselina ou óxido de zinco embaixo de sua cauda, entre e embaixo das pernas para prevenir abrasão (uma condição que envolve rachaduras na pele e perda de pelos, podendo levar à infecção).

Colite

Passo 1

Chame um veterinário imediatamente se suspeitar que seu cavalo tem colite, uma inflamação do cólon. Os sintomas podem incluir diarreia contínua, perda de peso rápida, falta de apetite, aumento da sede, pelagem feia, olhos sem brilho e dor abdominal.

Passo 2

Deixe seu veterinário realizar exames de sangue para determinar se há um supercrescimento de bactérias intestinais causado por colite; ele também pode solicitar um exame retal completo do equino para determinar se parasitas ou acúmulo de areia no cólon causaram a inflamação.

Passo 3

Permita que seu veterinário trate seu cavalo com fluidoterapia intravenosa, medicações anti-inflamatórias e, dependendo do diagnóstico, plasma, antibióticos e/ou vermífugos.

Mais recentes

×