Quais são as causas do cólon redundante?

••• woman stomach image by Anatoly Tiplyashin from Fotolia.com

Cólons variam em forma e tamanho. Todos têm voltas, mas o cólon redundante consiste em voltas extras, causando que seja maior do que o normal. Tais voltas podem ser desenvolvidas naturalmente ou como resultado de fatores como estresse, toxinas ou problemas nutricionais.

Constipação e problemas nutricionais

Thinkstock/Comstock/Getty Images

A maior causa provável para cólon redundante é a constipação. Colocar pressão sobre o cólon, por forçar muito o movimento peristáltico, causa obstrução, inchaço ou deformação do intestino grosso. A constipação é resultado de uma dieta desbalanceada e deficiente em fibras, logo, tais problemas podem ser prevenidos ou amenizados seguindo uma dieta que inclua gorduras saudáveis e muitos grãos.

Estresse

Jupiterimages/Comstock/Getty Images

O estresse pode causar movimentos peristálticos desordenados, contribuindo para o desenvolvimento de constipação e, possivelmente, cólon redundante.

Toxinas e organismos patogênicos

Duncan Smith/Photodisc/Getty Images

Organismos patogênicos no interior do corpo contribuem para o cólon redundante, causando debilidade, doenças e outros problemas de saúde. Se as toxinas e bactérias permanecerem no cólon por muito tempo, elas podem contaminar o material fecal e causar obstrução.

Cuidados

Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images

O termo "cólon redundante" é frequentemente confundido com o termo "cólon preso", ou vólvulo, que é um problema muito mais sério. Enquanto uma pessoa pode nascer com o cólon redundante, o cólon preso ocorre quando o órgão começa a enrolar sobre si mesmo. Isso causa cólicas, abdômen distendido, dores e requer atenção médica imediata.

Mais recentes

×