Atividades de 2 Coríntios 12 "espinho na carne" para crianças

Escrito por bill varoskovic | Traduzido por nicolas sales
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Atividades de 2 Coríntios 12 "espinho na carne" para crianças
A passagem "espinho na carne" de Paulo ensina uma lição importante de humildade (Jupiterimages/Brand X Pictures/Getty Images)

Em 2 Coríntios 12:9 Paulo diz, "De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo". Quando a maioria das pessoas falam delas mesmas, tentam ressaltar suas melhores qualidades. Paulo, nesta carta aos Coríntios, vangloria-se sobre suas fraquezas. Ele toma referência de um "espinho" em sua pele que o Senhor não tiraria. O Senhor disse a Paulo "A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza". Existem muitos modos de ensinar essa lição a crianças.

Outras pessoas estão lendo

Ilustração

Embora seja grandemente aceito que o espinho a qual Paulo se refere na carta é uma metáfora, uma ilustração pode ser um bom modo de ajudar crianças a se lembrar da história. Usando papel e giz de cera, crianças podem desenhar sua própria imagem de Paulo com um espinho ou podem colorir uma foto que você fornecer. As crianças podem levar o desenho para casa depois da lição ou você pode pendurá-los em volta da classe.

Aprendendo o que significa vangloriar-se

Crianças pequenas talvez tenham problema em entender o que significa vangloriar-se ou ter orgulho. Explique às crianças que vangloriar-se envolve falar sobre as qualidades, possessões ou elogios aos quais você tem mais orgulho. Dê exemplo e permite que os alunos vangloriem-se.

Caça à escritura ou enigma da escritura

Antes de ir para a passagem com as crianças, faça um jogo de juntá-la. Esconda seções do capítulo na classe e fale para as crianças procurá-los. Assim que tiverem encontrado, deixe-os trabalharem juntos para colocar os versos em ordem. Depois de completar o enigma, você e as crianças podem ler a passagem como um grupo.

Identificando seus próprios espinhos

Crianças mais velhas serão maduras o suficiente para serem aptas a explorar os "espinhos" que têm em suas próprias vidas. Em uma folha de papel, fale para as crianças listarem alguns dos problemas contra os quais elas lutam. Assegure-se de que poderão manter suas respostas confidenciais da maneira que quiserem. Embaixo dessas palavras, fale para que cada criança desenhe a si mesma sucedendo em algo que ela ame. Pode ser na escola, na música, em esportes ou qualquer coisa que ela goste de fazer. A lição para as crianças é que quando elas estão no momento mais fraco, ainda podem ser fortes em Cristo.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível