Como fazer cerveja sem lúpulo

Escrito por ray french | Traduzido por lydia marina barbosa
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer cerveja sem lúpulo
A gruit ale pode ser um desafio interessante para cervejeiros amadores (beer image by Victor M. from Fotolia.com)

Cervejas fermentadas sem lúpulo são conhecidas como gruit ale. Ele é utilizado para dar sabor e conservar a cerveja e tem sido usado, quase exclusivamente, em sua fermentação nos últimos séculos. A gruit ale, no entanto, é criada usando uma grande variedade de vegetais ou ervas para saboreá-la e preservá-la, mas é vista raramente desde a idade média. Note que os guias seguintes são para um cervejeiro amador experiente, porque o processo da fabricação da gruit ale é relativamente desafiador; você poderá precisar investigar na internet lojas de suprimentos para cervejas para encontrar os melhores ingredientes.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Caldeirão de fermentação de 23 L
  • Moedor de grãos
  • Termômetro
  • Tanque pulverizador de água
  • Saco de pano para filtrar
  • Saco de algodão
  • Sifão
  • Resfriador de mosto
  • Fermentador, tampa, câmara de vácuo
  • 1.3 kg de malte alemão pilsner
  • 40 a 45 L de água filtrada
  • 6 kg de malte inglês pale
  • 2 kg de malte cristal crystal malt
  • 1 kg de malte alemão de Munique
  • 3/4 de xícara de açúcar de milho para o preparo
  • 1 colher de sopa de musgo irlandês
  • 50 a 60 g de milefólio
  • 50 a 60 g de alecrim selvagem
  • 50 a 60 g de alecrim do norte
  • Levedura Wyeast 1028 London ale

Lista completaMinimizar

Instruções

    Fermentar a gruit ale

  1. 1

    Toste o malte alemão pilsner a 175º C por 20 minutos.

  2. 2

    Aqueça 20 L de água a 80º C.

  3. 3

    Crie uma pasta esmagando o grão de malte (com o moedor), cada tipo por vez, começando com o inglês pale e incluindo o alemão pilsner tostado. Acrescente-os à água quente.

  4. 4

    Mantenha a temperatura da pasta por 85 minutos a 70º C para permitir que as cadeias complexas de glicose se quebrem em açúcares fermentáveis. Esse processo é conhecido como sacarificação.

  5. 5

    Aumente a temperatura da pasta para 76º C e deixe-a descansar por 10 minutos. Esse passo, conhecido como "o mingau", finaliza a atividade enzimática e aumenta o fluxo da solução do açúcar, agora conhecida por mosto.

  6. 6

    Pulverize o mosto com 23 L de água a 76º C utilizando o tanque pulverizador. Faça isso com cuidado e uniformemente. Esse processo é chamado "pulverização".

  7. 7

    Acrescente o mosto ao caldeirão de fermentação e ferva por 30 minutos.

  8. 8

    Com cuidado, adicione 28 g de cada erva e continue fervendo por mais 30 minutos.

  9. 9

    Retire da fervura, filtre o mosto com o saco de pano e resfrie rapidamente a 21º C com o resfriador.

  10. 10

    Despeje o mosto no fermentador e acrescente a levedura Tenha cuidado ao despejar.

  11. 11

    Adicione as ervas restantes ao saco de algodão e aguarde o fermentador. Sele-o com a tampa e a câmara de vácuo.

  12. 12

    Deixe a cerveja fermentar por 3 semanas, depois retire com um sifão para garrafas, agite e tampe.

Dicas & Advertências

  • Se tudo for feito corretamente, você terá o seguinte:
  • Volume final: 21 L
  • Peso original: 1.088
  • Peso final: 1028
  • Álcool: 8%

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível