Mais
×

Como fazer um chute giratório nas artes marciais

Atualizada March 23, 2017

O chute rotatório é um importante movimento para se saber nas artes marciais. Quando feito corretamente, ele oferece um poderoso golpe com muita precisão e o mínimo de risco. O chute giratório também pode ser usado para obter distância do adversário caso você seja pego fora da posição correta.

Instruções

Esteja sempre focado no que está fazendo (Thomas Northcut/Photodisc/Getty Images)
  1. Fique em uma posição de combate. Mantenha os braços na sua frente com as mãos fechadas. Suas pernas devem estar na abertura dos ombros, com uma perna de um passo à frente. O peso deve ser distribuído uniformemente entre seus pés. Concentre seus olhos sobre o local exato do alvo que deseja atingir.

  2. Gire o pé sobre a sua perna de trás de modo que o calcanhar esteja direcionado ao alvo. Isso pode parecer estranho quando você fizer lentamente, mas quando feito rapidamente em um movimento correto, ele vai ser muito natural. Acostume-se a apontar com o seu calcanhar. Isso é importante, porque se ele estiver fora da linha, você vai perder o seu chute. Para onde você direcionar o calcanhar, seu chute irá. Sua perna de trás deve estar virada para o seu alvo. Sempre mantenha os olhos no alvo.

  3. Mude o seu peso para o pé mais forte com o calcanhar de frente para o alvo. Levante o joelho da outra perna para o ar. Você está encurvado para o chute giratório. Gire a cabeça para o outro lado e se foque no seu alvo. Este é o elemento mais importante do chute giratório para trás. É absolutamente importante olhar para o seu alvo. Se você não puder vê-lo, não poderá atingi-lo. Seu dorso estará buscando agora o seu objetivo. Mude o balanço do corpo, levante o joelho e gire a cabeça. Todos esses movimentos devem acontecer ao mesmo tempo.

  4. Jogue sua perna para trás como um coice. Este é o chute giratório para trás. Acerte o alvo chutando com o calcanhar. Este é um chute poderoso, porque você está usando os músculos que se localizam acima da coxa e faz com que você seja ágil na execução. Imagine que você esta pisando no seu alvo. É assim mesmo, só que você está chutando no ar ao invés de pisar o chão.

  5. Afaste-se do seu alvo e vire imediatamente no caso de o seu adversário ainda estar vindo atrás de você. O chute de volta giratória o deixa vulnerável enquanto você está girando e depois do chute. Se você errar, você estará vulnerável. Por isso não perca o chute.

Dicas

  • Treine para afiar o movimento do seu chute para trás corretamente. Ele é mais usado após uma combinação de movimentos, ou quando você está perto de seu oponente e ambos estejam recuando. Você pode pegar o seu oponente vindo até você e acertá-lo com o dobro do impacto.

Avisos

  • Não tente usar o chute para trás girando sobre o seu adversário que esteja vendo e se preparando para isso. Um lutador de artes marciais experiente saberá que está preparando para ele. O chute giratório leva um tempo relativamente longo para funcionar. Se o seu oponente tem tempo, ele pode facilmente revidar e chutá-lo na parte de trás. O chute giratório não é um movimento que deve vir sozinho.
bibliography-icon icon for annotation tool Cite this Article