Como saber se o cilindro de um toner é ruim

Escrito por bonnie conrad | Traduzido por pedro lima
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como saber se o cilindro de um toner é ruim
Verificar suas impressões o ajuda a identificar o problema (Creatas/Creatas/Getty Images)

Ao contrário dos computadores, que muitas vezes podem falhar com pouco ou nenhum aviso, impressoras normalmente costumam apresentar sinais e sintomas quando há um problema. Se utilizar uma impressora em casa ou no escritório, é sua responsabilidade ficar atento a esses sinais e tomar medidas adequadas para resolvê-los. Rolos, cartuchos de toner e de fusor mostram um conjunto específico de sintomas, e o fato de reconhecer precocemente esses sintomas pode reduzir ou eliminar qualquer possível falha.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Examine com cuidado suas impressões. Procure por listras, marcas pretas e outras machas no papel.

  2. 2

    Substitua o cartucho do toner. Um cartucho ruim pode causar machas e estrias assim como os rolos defeituosos. Se o problema persistir, é mais provável que o rolo do toner seja o responsável.

  3. 3

    Esfregue as impressões vigorosamente para ver se a tinta sai facilmente do papel. Se isso acontecer, o mais provável é que cartucho de fusor esteja com defeito, e não o rolo do toner.

  4. 4

    Procure por espaços em branco nas impressões, assim como áreas borradas ou locais onde a impressão não é clara. Todos esses sintomas indicam que o rolo do toner está com defeito.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível