Classificação: animal, vegetal ou mineral

Escrito por michael brent | Traduzido por joanna riva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Classificação: animal, vegetal ou mineral
Embora a classificação dos reinos desenvolvida por Linnaeus seja considerada ultrapassada, ela foi pioneira ao tentar classificar todos os elementos do mundo natural (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

No século XVIII, o botânico sueco Carl Linnaeus desenvolveu um sistema taxonômico com a intenção de classificar todos os elementos da Terra ao separá-los em três categorias distintas: animal, vegetal e mineral. Embora estas categorias sejam mais usadas hoje em jogos de perguntas do que na ciência de fato, a taxonomia de Linnaeus foi um passo importante na catalogação científica do mundo ao nosso redor.

Outras pessoas estão lendo

Carl Linnaeus

Durante o século XVIII, expedições de exploração europeias retornavam do Novo Mundo com inúmeras espécimes de plantas e animais que eram desconhecidos previamente, anunciando a necessidade de algum tipo de taxonomia que pudesse ajudar os cientistas a acompanhar todas estas novas descobertas. Em aproximadamente 1760, Linnaeus escreveu o livro "Systema Naturae", no qual dividia todos os elementos nas categorias animal, vegetal ou mineral, nomeando os organismos com um sistema binomial que ele desenvolveu. Embora este sistema de três reinos seja considerado ultrapassado atualmente, o sistema binomial de Linnaeus, que utiliza gênero e espécie, ainda é utilizado.

Animal

A classificação de Linnaeus era hierárquica, com animais no topo, seguidos pelos vegetais e depois pelos minerais. Dentro de cada reino, havia uma nova hierarquia. Linneaus era um cristão devoto, e acreditava fielmente na teoria criacionista, conforme relatada no livro de Gênesis. Por esta razão, humanos (o qual ele denominou Homo sapiens) estavam no topo da hierarquia, uma vez que foram criados à imagem de Deus e, portanto, eram a criação suprema na Terra. Apesar disso, o sistema hierárquico de Linnaeus prenunciou a teoria da evolução de Darwin, ligando humanos a primatas ao colocá-los dentro do mesmo reino.

Vegetal

Linneaus registrou aproximadamente 13000 espécies diferentes de plantas e animais, incluindo algumas criaturas mitológicas como sátiros e fênix. No entanto, como era primeiramente um botânico, ele tinha interesse excepcional em classificar plantas. Ele dividiu cada reino em classes, mas posteriormente optou por agrupá-los em divisões e subdivisões. Esta taxonomia ainda é utilizada para nomear novas espécies de plantas.

Mineral

Linnaeus escrevia em latim e, portanto, deu nomes em latim aos seus reinos, com o reino animal e vegetal denominados, respectivamente, Regnum Animale e Regnum Vegetabile. O terceiro reino era o Regnum Lapideum, que era essencialmente um sistema de classificação de rochas. Desta maneira, Linnaeus foi um pioneiro na área de geologia, embora não tenha dado tanta atenção a este reino como aos outros dois. Embora este não se encaixe bem aos outros dois, que classificavam organismos vivos, ele permitiu que Linnaeus alcançasse o seu objetivo de classificar todos os elementos que compõem o mundo natural.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível