O que é um contrato de longo prazo?

Escrito por osmond vitez | Traduzido por fabiana silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que é um contrato de longo prazo?
Os contratos de longo prazo estabelecem as normas para a negociação (business agreement image by TEMISTOCLE LUCARELLI from Fotolia.com)

Os contratos de longo prazo são contratos legais entre duas empresas, e estabelecem as regras para a comercialização de quantidades específicas de bens entre elas. Esses contratos são muito comuns e utilizados principalmente por empresas produtoras de energia, como minas de carvão ou usinas de energia. Muitas vezes, estes acordos contêm várias cláusulas de proteção e podem levar meses ou anos para serem concluídos.

Outras pessoas estão lendo

Usos

As empresas usam os contratos de longo prazo para garantir que o comprador realmente está interessado em comprar dos bens futuramente produzidos pela companhia. Muitas vezes, os fornecedores da indústria de energia recorrem à contratos de longo prazo para garantir o retorno nos investimentos em minas, turbinas eólicas ou usinas de energia a carvão. As empresas que estabelecem contratos de longo prazo geralmente conseguem obter financiamento externo para construir suas instalações de produção, permitindo que elas utilizem seus recursos para os usos normais de operação.

Benefícios

Neste tipo de acordo legal, os contratos de longo prazo beneficiam tanto os vendedores quanto os compradores. Os vendedores os utilizam para garantir que tenham um comprador para os bens produzidos no futuro ao longo de suas operações. Os preços são decididos no momento da assinatura, garantindo que os vendedores não ofereçam posteriormente um preço mais baixo. Eles garantem que, caso haja aumento nos preços em virtude de falta de oferta dos produtos, os preços do acordo sejam mantidos. Além disso, quando ocorrer este tipo de situação, eles permitem que as empresas tenham uma maior participação no mercado, elevando seus lucros.

Compra/Venda

Os acordos de longo prazo devem incluir três declarações importantes . A primeira é a que determina se o contrato é um acordo de compra/venda, ou um contrato de opção. A cláusula de compra/venda é importante, pois assegura que a produtividade futura seja garantida, a menos que haja quebra de contrato por uma das partes. Um contrato de opção dá ao comprador a opção de aplicar o acordo caso o mercado proporcione um ambiente favorável para realizar a negociação.

Força maior

A cláusula de força maior permite que o acordo de longo prazo seja cancelado, sem que nenhuma das partes sofra as penalidades previstas no contrato. A cláusula só terá efeito se acontecer algo que não possa ser controlado pelo comprador ou vendedor. Esta cláusula elimina ou minimiza o risco de as partes serem afetadas por questões como desastres climáticos importantes, normas do governo ou o não cumprimento das obrigações de terceirizadas.

Inadimplência

A terceira cláusula mais importante de um acordo de longo prazo é a capacidade de uma das partes cancelar o contrato, em razão de negligência da outra. Como os acordos são contratos legais, o seu cancelamento normalmente não é permitido. No contrato de inadimplência, se estabelecerão os atos que constituem uma negligência, como a violação de uma ou de várias cláusulas, resultando em penalidades. Como os acordos legais são difíceis de serem cancelados, as empresas costumam criar duras sanções financeiras, para garantir que ele seja rigorosamente seguido.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível