Cravos e espinhas em cães

Escrito por betty lewis | Traduzido por marina villar
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Cravos e espinhas em cães
A acne canina não é incomum em muitas raças (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Como os humanos, os cães também têm acne. A maioria ocorre no focinho e não é dolorosa. A acne não impede as funções normais, como comer e respirar. No entanto, se elas ficam infectadas, podem tornar-se um problema mais sério. Tomar cuidado com as espinhas do seu cão requer um diagnóstico e medicamento apropriado. Saber e entender o que procurar, bem como as diferentes opções de tratamento, pode ajudar a aliviar o problema.

Outras pessoas estão lendo

Aparência física e idade

A acne canina tipicamente aparece em cães jovens. A maioria dos casos ocorre em filhotes com oito meses. Depois que os cães alcançam um ano de vida, a acne tende a desaparecer. A acne canina é mais aparente na região facial do cão. Erupções vermelhas e cravos se formam nos lábios e queixo do cão. A acne pode aparecer em qualquer lugar do corpo. No entanto, a acne corporal pode significar uma infecção por bactérias. A acne dos cães podem ser infectadas. Quando isso ocorrer, as erupções e cravos podem soltar pus. A acne infectada também coça, e, devido a isso, muitos cães arranham e esfregam seus focinhos em móveis para aliviar a coceira.

Causas

A acne canina ocorre quando os folículos capilares ficam bloqueados. Não se sabe muito sobre se a genética tem ou não um papel na formação da acne. No entanto, certas raças de cães são mais suscetíveis, como rottweilers e boxers. Acredita-se que os hormônios também tenham influência na formação da acne canina.

Diagnóstico

A acne canina deve ser diagnosticada por um veterinário. Tipicamente, um diagnóstico é feito ao encontrar erupções vermelhas e cravos no focinho do cão. Alguns veterinários fazem uma biópsia da pele para confirmar o diagnóstico. Alguns sintomas associados com a acne canina também são relacionados com outras doenças, como dermatite bacteriana e demodicose. Note qualquer comportamento estranho ou caroços com aparência suspeita quando visitar o veterinário.

Tratamento

Os veterinários oferecem métodos de tratamento para acne canina. Embora ela ainda não seja curável, tratamento eficazes estão disponíveis. Um tratamento é lavar o focinho do seu cão com peróxido de benzoíla duas vezes por semana. Você deve ser gentil nessa lavagem. Use um pano macio e evite colocar o produto nos olhos do cão. Outro tratamento é usar antibiótico ou esteroides tópicos. Os antibióticos tópicos ajudam a reduzir o risco de infecção por bactéria. Somente remédios aprovados para uso veterinário devem ser usados para tratar a acne. A acne canina nunca deve ser estourada, pois pode levar a uma infecção e cicatrizes.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível