Como cuidar de lagostins de estimação

Escrito por ruth nix | Traduzido por deivid assis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como cuidar de lagostins de estimação
Camarões de água doce também são chamados de lagostas ou lagostins (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Lagostins, que se assemelham a pequenas lagostas de água doce, estão disponíveis a preços relativamente baixos, em lojas de animais e até mesmo online. Estes animais podem viver muitos anos e exibem uma variedade de comportamentos fascinantes. Pelo fato dos lagostins poderem comer quase todos os alimentos (vivos ou mortos), são surpreendentemente fáceis de serem mantidos.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Aquário ou tanque com tampa, de pelo menos 7,5 litros
  • Dieta especial de lagostas, cascas de camarão, comida de peixe tropical ou ração em flocos para peixes
  • Plantas vivas ou de plástico
  • Esconderijos de madeira, cerâmica ou pedra
  • Solução de tratamento de água doce (disponível em lojas de animais)
  • Rede de pesca pequena
  • Recipiente para transporte ou outro pequeno ambiente temporário, como uma Tigela
  • Jarro de medição
  • Escorredor
  • Escova macia

Lista completaMinimizar

Instruções

    Montagem de habitat

  1. 1

    Enxague o aquário ou tanque com água da torneira.

  2. 2

    Forre o fundo do tanque com pelo menos 1,25 cm de pedra de aquário. Enraíze e posicione plantas e esconderijos de pedra dentro e em torno das pedras.

  3. 3

    Encha o tanque com pelo menos 1,9 litros de água. Não precisa encher o tanque até o topo.

  4. 4

    Adicione a solução de tratamento de água, medida de acordo com as instruções da embalagem. Deixe que a água repouse durante pelo menos duas horas ou como prescrito nas instruções do produto.

  5. 5

    Adicione um lagostim. Esteja ciente de que você provavelmente terá dificuldade em encontrá-lo por um tempo, já que estes animais gastam muito do seu tempo (especialmente em lugares novos ou estranhos) se escondendo. Também são mais ativos à noite, o que também pode fazer com que você não os veja durante o dia. Lembre-se de manter o tanque tampado todos os momentos, pois um lagostim poderia subir e escapar do tanque.

    Alimentação

  1. 1

    Solte um pouco de alimento no interior do tanque a cada dia. Os lagostins preferem comer à noite, mas uma vez que o alimento entra na água, o animal será capaz de sentir o cheiro. Ele comerá quando estiver pronto.

  2. 2

    Aumente a quantidade de comida oferecida na medida em que seu lagostim cresce. Proceda lentamente e não dê comida em excesso.

  3. 3

    Substitua as plantas vivas se e quando forem consumidas pelo lagostim.

  4. 4

    Mantenha a calma se o seu animal aparentemente não estiver comendo por vários dias. Isso significa apenas que ele não está com fome. Fique de olho em seus hábitos alimentares, através de tentativa e erro e veja que tipo de alimentação ele prefere.

    Lavagem do habitat

  1. 1

    Lave e enxágue bem as mãos.

  2. 2

    Retire o seu lagostim com uma pequena rede de pesca, colocando-o em um recipiente de transporte ou outro pequeno ambiente temporário (como uma tigela) cheia de água pré-tratada. Se possível, encontre algo pesado para cobrir a maior parte da superfície aberta do recipiente, a fim de impedir que o animal escape.

  3. 3

    Despeje metade da água do tanque em uma pia ou privada. Remova as plantas e os esconderijos de pedra e coloque-os de lado. Despeje a água restante em um coador, permitindo que as pedras de aquário caiam na bacia do coador. Você também pode remover o cascalho com uma rede de pesca e despeje a água restante em uma privada.

  4. 4

    Lave o tanque, as pedras e as plantas com água da torneira aquecida. Esfregue as superfícies. Não use sabão ou outros produtos de limpeza em nenhum dos itens.

  5. 5

    Repita os passos da sessão "Montagem de habitat".

  6. 6

    Limpe o habitat, pelo menos duas vezes por mês, ou sempre que a água parecer turva ou suja.

Dicas & Advertências

  • Uma vez por semana, troque de 10 a 15 por cento da água do aquário por água limpa e tratada. Isso ajudará a manter o ambiente limpo e saudável. Filtros de aquário mecanizados também podem ser úteis, pois lagostas de água doce são extremamente sensíveis à poluição.
  • Mantenha a temperatura da água do aquário entre 21 e 24 °C para uma saúde ideal.
  • Não se preocupe se os seu animal trocar sua concha. Esta é uma ocorrência normal. Além disso, não se preocupe se ele comer a dita concha para recuperar minerais e nutrientes perdidos.
  • Não introduza lagostins selvagens com aqueles criados em cativeiro. Os silvestres podem transmitir doenças que serão prejudiciais ao resto do seu grupo do aquário.
  • Não sobrecarregue seu tanque. Lagostas de água doce não são animais particularmente sociáveis e se não for dado bastante espaço, eles vão atacar uns aos outros.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível