Como cultivar pepinos em estufas

Escrito por kim dieter | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como cultivar pepinos em estufas
Os pepineiros crescem em uma extensa fileira dentro de uma estufa (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

As estufas permitem o cultivo de pepinos o ano todo. Eles são cultivados em estufas nos Estados Unidos, Japão e Europa. Este último tipo é cultivado com mais frequência. Os pepinos sem sementes têm de 30 a 35 cm de comprimento e pesam cerca de 450 g cada. Não precisam de polinização. Em geral, eles são cultivados em estufas especialmente projetadas para essa finalidade. Depois, as plantas são transplantadas para uma estufa maior para produzir as hortaliças.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Estufa
  • Sementes de pepino
  • Substrato de cultivo com terra ou menos terra
  • Vasos ou bandejas
  • Polietileno transparente
  • Sistema de irrigação por gotejamento ou escoamento lento
  • Fertilizante
  • Cordão e arame forte
  • Clipes plásticos

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Inicie o cultivo dos pepinos em ambiente aquecido. As sementes germinam com sucesso em temperaturas de cerca de 29 graus Celsius. Coloque uma semente em uma bandeja de 7,4 cm a 10 cm, cheia de substrato de cultivo com terra ou menos terra. Plante-a a uma profundidade de 1,25 cm. Cubra a bandeja com uma folha de polietileno transparente para manter a temperatura uniforme e evitar perda de umidade. Remova a cobertura quando emergirem os brotos do substrato, o que levará de dois a três dias.

  2. 2

    Forneça 16 horas de luz por dia às mudas. Em duas a três semanas, a planta terá de três a quatro folhas e estará pronta para ser transplantada para uma estufa maior. Transplante as mudas para vasos de 11 litros ou para outras bandejas de estufa cheias da mesma mistura de cultivo. O cultivo de pepinos é bem-sucedido em solo arenoso-lodoso. Coloque os vasos em fileiras e deixe um espaço de 0,5 a 0,7 m² para cada planta.

  3. 3

    Passe um arame forte cerca de 2 m a 2,5 m acima da fileira de bandejas. Estenda um pedaço de sisal resistente ou cordão de polietileno acima de cada bandeja. Dê um nó do tipo não deslizante para fixar o cordão na base do pepineiro. Para fazer a planta subir, prenda o caule ao cordão com clipes de plástico. Deixe se desenvolver um caule por planta e prenda as folhas inferiores com um clipe.

  4. 4

    Realize um teste de solo na terra ou mistura de cultivo. Fertilize as plantas de acordo com os resultados do teste de solo. Adubações semanais com um fertilizante na graduação 20-20-20 (partes iguais de nitrogênio, fósforo e potássio) são um programa comum. Mantenha uma temperatura de 23 a 26 graus Celsius durante o dia e, pelo menos, 18 graus Celsius à noite. Uma estufa mais fria resulta em crescimento mais lento e produção retardada de pepinos, por outro lado, uma estufa muito aquecida pode afetar sua qualidade.

  5. 5

    Irrigue os pepineiros com um sistema de gotejamento ou escoamento lento. Inspecione as plantas em busca de sinais de pragas ou doenças. O uso de um substrato esterilizado e de bandejas limpas reduz a chance de doenças nos pepinos.

  6. 6

    Colha os pepinos aproximadamente 60 a 70 dias após o plantio das sementes. Um pepineiro produz cerca de 0,5 Kg a 1,3 Kg de frutos por semana, ou um total de 25 pepinos em um período de 10 a 12 semanas.

Dicas & Advertências

  • Os pepinos também crescem bem usando os sistemas de cultivo hidropônicos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível