Desenvolvimento da memória infantil

Escrito por amanda hermes | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Desenvolvimento da memória infantil
Os bebês têm capacidade de lembrar-se mais do que pensamos (baby boy image by Steve Lovegrove from Fotolia.com)

Geralmente assumimos que, por não lembrarmos de nossa própria infância, os bebês possam não se lembrar de muita coisa. Mas isso está longe de ser verdade. Na época em que as crianças vão para o jardim de infância, muitas lembranças anteriores aos seus 3 primeiros anos de vida já se foram, mas isso só se aplica a certos tipos de memória. Bebês e crianças pequenas começam a armazenar lembranças a partir de suas primeiras semanas e retêm muitas informações de seus primeiros anos.

Outras pessoas estão lendo

Reconhecendo os pais

Segundo um artigo do Heather Turgeon, os recém-nascidos são surpreendentemente bons em reconhecimento. Em experimentos envolvendo chupetas que controlam o que o bebê vê ou ouve, os recém-nascidos ajustarão as velocidades de sucção para passar mais tempo olhando uma foto do rosto da mãe ou ouvindo a leitura em voz alta que ela fez durante a gravidez. O fato de que o bebê reconhece o que lhe é familiar e, portanto, prefere ver e ouvir isso, significa que ele armazena memórias desde o nascimento. Segundo o site BabyCenter, aos 10 dias de idade, um bebê é capaz de lembrar-se do cheiro da mãe. Aos 4 meses, ele pode reconhecer seu principal cuidador em uma multidão.

Lembrando-se de sequências

Em outro experimento, um bebê é deixado de costas olhando para cima para um móbile que é amarrado em seu pé e, ao chutar, o brinquedo entra em ação. Logo, a criança aprende a chutar mais vigorosamente para fazer o móbile movimentar-se. Dias depois, ele volta para o berço com o móbile, mas seu pé já não está amarrado a ele. Quando o vê, o bebê começa a chutar entusiasticamente, porque se lembra do que aconteceu anteriormente. Segundo Turgeon, crianças de 2 meses lembram-se um ou dois dias depois, enquanto as de 6 meses lembram por cerca de 2 semanas. Da mesma forma, crianças de 7 meses são capazes de lembrar-se de sequências simples, como o surgimento e desaparecimento súbito de uma figura de uma caixa de surpresas quando a música acaba, ou de uma mamadeira que sempre vem após o banho, de acordo com o BabyCenter.

Memórias inconscientes

O Turgeon escreve que esses tipos de memórias estão associados a padrões inconscientes, enquanto habilidades, como recordar de uma história do verão passado ou recitar as capitais dos Estados, usam algo chamado memória consciente. As memórias inconscientes se valem da repetição para se desenvolverem, mas requerem pouco raciocínio depois de instaladas; por exemplo, podemos lembrar-nos como amarrar cadarços de sapatos sem pensar a respeito.

O hipocampo

Segundo o BabyCenter, o hipocampo (a região do cérebro necessária para a recordação consciente) está cerca de 40% maduro ao nascimento, 50% maduro com 6 semanas e totalmente maduro aos 18 meses de vida. As memórias conscientes não ficam armazenadas no cérebro até o desenvolvimento do hipocampo, mas a quantidade de tempo em que a criança é capaz de lembrar-se das coisas continua a aumentar, à medida que o hipocampo amadurece, segundo Turgeon. É por isso que um bebê não é capaz de lembrar-se da vovó, ainda que a tenha visto a semana passada, e uma criança pequena só consegue lembrar-se de eventos depois de solicitada pela mãe, mas, com 3 ou 4 anos de idade, possuímos memórias permanentes. A maioria das memórias inconscientes, porém, são armazenadas nas partes inferiores do cérebro, que estão completamente desenvolvidas no nascimento.

Linguagem

O Turgeon escreve que a linguagem também ajuda a memória a longo prazo. Depois de entender a linguagem, os bebês desenvolvem a autopercepção e começam a compreender como os eventos encaixam-se, assim como têm capacidade de descrever suas recordações. Embora o hipocampo esteja desenvolvido aos 18 meses, leva muito mais tempo para uma criança pequena dominar a linguagem para se lembrar de um evento anterior.

Armazenando imagens mentais

O Turgeon também escreve que os bebês começam a desenvolver a capacidade de armazenar imagens mentais por volta de 8 meses. Em estudos, crianças com 9 meses, às quais se demonstrou como usar um brinquedo sem deixar que o tocassem, sabiam o que fazer com ele quando, 24 horas depois, o brinquedo lhes era dado. Isso mostra que armazenaram uma imagem mental da demonstração do dia anterior. Aos 15 meses, um bebê pode lembrar-se de como usar o brinquedo após um intervalo de quatro meses.

Memórias emocionais

A memória inconsciente não é apenas sobre habilidades motoras ou movimentos físicos. Também possuímos memórias emocionais inconscientes, por exemplo, de como nos sentimos seguros quando no colo da mãe, ou como ficamos felizes quando o pai sorri para nós, e isso ajuda os bebês a aprenderem sobre o mundo como um todo e o nosso lugar nele.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível