Diferença entre lírio d'água e lótus

Escrito por jacob j. wright | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Diferença entre lírio d'água e lótus
A florescência de um lótus eleva-se acima da água, assim como suas folhas (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Atualmente, muitos taxonomistas designam os lírios d'água (Nymphaea spp.) e o lótus (Nelumbo spp.) a uma mesma família de plantas, a Nymphaeaceae. As grandes diferenças entre as raízes rizomáticas, flores e folhagem dos dois gêneros de plantas aquáticas levam alguns especialistas a se inclinarem a segregá-las em duas famílias, segundo Perry D. Slocum, autor de "Waterlilies and Lotuses". Estudos moleculares de DNA revelaram que as proteínas nos cloroplastos não são semelhantes nos dois gêneros, e por isso os lótus foram designados à sua própria família, Nelumbonaceae. Os taxonomistas relutantes esperam por mais pesquisas, antes de aceitar a nova designação de família.

Outras pessoas estão lendo

Variedades

Existem somente duas espécies de lótus: o lótus sagrado (Nelumbo nucifera) e o lótus americano (Nelumbo lutea). Há várias centenas de cultivares e híbridos, com mais de 300 desenvolvidos só na China, ao longo dos séculos, segundo Slocum. Em contrapartida, os lírios d'água compreendem cerca de 50 espécies. Existem centenas, se não milhares, de cultivares e híbridos complexos entre os lírios d'água dos tipos resistentes e tropicais.

Diferença entre lírio d'água e lótus
Flor emurchecida de um lótus, com um receptáculo amarelo-esverdeado (Hemera Technologies/Photos.com/Getty Images)

Folhagem

Tanto os lírios d'água como os lótus são herbáceas perenes que tendem a perder as folhas quando as temperaturas da água esfriam muito. Suas folhas repousam planas sobre a superfície da água, sua forma é arredondada e, quase sempre, com uma cavidade em forma de V. A superfície da folha é clara, mas acetinada e cerosa, o que expulsa a água. A cor da folha tem primariamente um tom verde-oliva médio a profundo, com manchas vermelho-arroxeadas ocasionais. A planta do lótus ostenta folhas arredondadas, horizontais, nos caules que se mantêm acima da água. Estes se conectam à lâmina foliar em seu centro. Uma camada fina ou resíduo branco, espumoso, cobre as folhas de tom verde a azul-esverdeado-pálido, que também expulsam a água em gotículas.

Diferença entre lírio d'água e lótus
O lírio d'água repousa plano e flutua na superfície da água (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Estrutura floral do lírio d'água

A maioria dos lírios d'água resistentes flutua com suas flores na superfície da água ou, no caso dos tipos tropicais, logo acima da superfície. A diferença primária entre lírios d'água e lótus é a morfologia da flor. Os lírios d'água têm numerosas sépalas e pétalas em torno dos órgãos sexuais. Numerosos estames, contendo pólen, abrigam o centro da flor. Embaixo destes, na parte central inferior, encontra-se o núcleo feminino. Um processo axial pontiagudo, exatamente no centro, é circundado por estigmas que descem até um ovário arredondado com espessas paredes e muitos óvulos, ou ovos, em seu interior. Todas as sementes se formam dentro do ovário, em um fruto redondo, no topo do caule da flor, o qual submerge sob a superfície da água até amadurecer.

Diferença entre lírio d'água e lótus
O centro de um lírio d'água é baixo e coberto de estames sobre os pistilos femininos deprimidos (Medioimages/Photodisc/Photodisc/Getty Images)

Morfologia da flor de lótus

As flores de lótus se mantêm acima da água, assim como suas folhas. Numerosas pétalas ou sépalas circundam um grande receptáculo carpelar, em cujo interior se abrigam os estigmas femininos e os ovários. O receptáculo parece um cálice coroado. Os estames que fabricam o pólen ocorrem ao redor e na parte externa da cúpula do receptáculo. Depois que a flor é polinizada, todas as suas partes se desprendem, exceto o receptáculo, que permanece acima da superfície da água. Cada óvulo dentro dele amadurece uma semente. Ele pende e seca, tornando-se amarronzado, e expõe as sementes soltas que rolam para a água e se afastam flutuando.

Diferença entre lírio d'água e lótus
Os receptáculos secos do lótus, com aberturas para as sementes rolarem para fora (Brand X Pictures/Brand X Pictures/Getty Images)

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível