Diferença entre transferência e sublimação

Escrito por lexi sorenson | Traduzido por pina bastos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Diferença entre transferência e sublimação
Os psicólogos costumam ajudar as pessoas a desemaranhar os seus mecanismos de defesa (Hemera Technologies/PhotoObjects.net/Getty Images)

Existem muitos aspectos de Freud que são controversos. O que não é controverso é o fato que ele mudou o campo da psicologia para sempre. Freud insistia que o id, o ego e o superego constituíam a base da consciência humana. Os impulsos primitivos dos humanos - aqueles que tendem automaticamente para o prazer - são representados pelo id. O ego usa mecanismos de defesa para alinhar os desejos com a realidade. O superego representa o sentido desenvolvido de moralidade de uma pessoa. O ego é o mais forte dessas construções mentais.

Outras pessoas estão lendo

Mecanismos de defesa

A interação do id, do ego e do superego, em geral, resultam em grande ansiedade. Freud afirmava que os humanos procuram reduzir essa tensão racionalizando os impulsos que produzem ansiedade. Todos esses ímpetos envolvem negação ou repressão de alguma forma, reduzindo assim o efeito prejudicial do pensamento ameaçador do impulso. Embora Freud postulasse a ideia do mecanismo de defesa, foi sua filha, Anna Freud, quem desenvolveu a ideia no trabalho dela.

Transferência

A transferência ocorre quando alguém redireciona uma emoção particular para um alvo menos ameaçador ou mais fácil. Alguém pode dirigir a raiva por uma pessoa para um bicho de estimação, por exemplo, ou trabalhar a agressão agredindo as pessoas de casa. Impulso sexual e medo podem ser transferidos também. Uma necessidade que é considerada como inaceitável por essa pessoa pode ser expressada de um modo mais aceitável.

Sublimação

A sublimação acontece quando uma pessoa expressa impulsos inaceitáveis de um modo que é mais aceitável socialmente. Uma pessoa pode canalizar um impulso indesejável para algo produtivo. Por exemplo, alguém com um impulso agressivo pode tornar-se um perito em demolição de prédios ou um atleta. Desejo sexual não desejado pode transformar-se na energia por trás de uma manobra de negócios apaixonada ou em uma forma de expressão artística. Freud viu a sublimação como uma força motivadora para arte e literatura.

Transferência x Sublimação

Tanto a transferência quanto a sublimação lidam com impulsos e sentimentos indesejados ao manter o foco fora do alvo pretendido. Satisfazer essas necessidades de um modo menos prejudicial acalma o ego e reduz a ansiedade. Entretanto, a sublimação significa que uma pessoa converte energias desagradáveis em positivas e úteis enquanto a transferência muitas vezes é meramente transferir uma energia negativa para um novo alvo. A transferência pode ser considerada um mecanismo de defesa mal adaptado, ao contrário da sublimação, que é em geral um mecanismo saudável.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível