Diferenças entre os reinos fungi e plantae

Escrito por derek king | Traduzido por ricardo soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Apesar dos fungos e plantas serem organismos semelhantes, as diferenças requerem classificação dos organismos em dois reinos separados. Os reinos plantae e fungi têm milhões de espécies que vivem em ecossistemas variados, com ciclos de vida e características físicas diferentes. As diferenças são definidas pela composição biológica e pelas características especiais de cada reino.

Outras pessoas estão lendo

Paredes celulares

As paredes celulares dos fungos contêm quitina, enquanto que as paredes celulares das plantas são em sua maioria compostas por celulose. A quitina é um derivado translúcido da glucose, que é rígido na sua forma não modificada, tornando-a a substância ideal para as paredes celulares. A celulose é um composto orgânico insolúvel com uma elevada resistência à tração, o que significa que pode suportar um alto grau de estresse antes de ser puxada em qualquer direção.

Criação de alimento

As plantas são capazes de criar suas próprias fontes de alimento e energia, enquanto que os fungos não conseguem. Por meio da fotossíntese, as plantas usam o dióxido de carbono, luz solar e água para criar alimento, desse modo, elas se tornam uma fonte de energia utilizável na cadeia alimentar de um ecossistema. Os fungos são incapazes de criar alimentos a partir das substâncias químicas do ambiente. Em vez disso, um fungo decompõe a matéria que cai em seu habitat. Alguns tipos de fungos são parasitas, alimentando-se de um organismo hospedeiro.

Reprodução

As plantas e os fungos também se reproduzem de maneiras diferentes. Algumas plantas produzem sementes para continuarem se reproduzindo. Algumas espécies de plantas têm uma substância pegajosa em suas sementes para que elas possam grudar nos seres humanos e animais, o que as espalha; outras sementes de plantas podem ser leves e aerodinâmicas, a fim de moverem-se na direção do vento. As plantas com flores se reproduzem quando o pólen é transferido do estame masculino para o órgão da fêmea (chamado pistilo) da flor ou para outra flor. Os fungos se reproduzem através da produção de esporos, que são pequenas células dentro de um revestimento protetor, que se tornam novos fungos.

Diferenças estruturais

As plantas e os fungos têm estruturas diferentes na maneira em que se ligam ao solo. As plantas utilizam um sistema de raízes, que são interligadas ao solo. Os fungos têm apenas filamentos, que se ligam a um hospedeiro, como uma árvore, outra planta ou solo.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível