Diferentes tipos de flores bromélias

Escrito por richard hoyt | Traduzido por ronaldo moretti
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

As bromélias, que produzem flores encantadoras, crescem no ar e no solo. Muitas variedades são monocarpic, ou seja, que produzem flores apenas uma vez, que geralmente duram de dois a quatro meses, e depois disso as flores morrem. Elas podem ser cultivadas tanto em ambientes fechados e em estufas.

Outras pessoas estão lendo

Principais tipos de bromélias

Há mais de 2.000 espécies de bromélias, muitas das quais se originaram na região Andina da América do Sul. A maioria das bromélias cresce em cachos circulares que irradiam do centro. Sua folhagem, de irregular para simétrica, é em faixas ou variegada, de trilho fino para extremamente ampla. A bromélias produzem flores coloridas tão pequenas como um quarto de polegada de largura a tão grandes quanto 12 polegadas. Algumas crescem no ar; outras crescem no solo.

Bromélias que crescem no ar

A maioria das bromélias é epífita, também chamadas de "plantas de ar". Estas se ligam a árvores, e obtém água e nutrientes diretamente do ar através de suas folhas. Os produtores utilizam esfagno umedecido para formar uma cama para a planta, até que ela própria se apoie no ramo de uma árvore antiga. As plantas pequenas podem ser encravadas em fendas na casca. Os produtores muitas vezes colcam cabos de suporte para as epífitas grandes, até que elas consigam se sustentar sozinhas.

Bromélias que crescem no solo

As bromélias terrestres necessitam de solo. Elas podem ser cultivadas em vasos, mas crescem melhor se tiverem mais espaço, como na beira de uma estufa. Elas precisam de luz intensa ao longo do ano.

Grupos populares de bromélias

As Guzmanias são plantas de ar que produzem flores nos meses de Verão, depois que a planta morre. Elas precisam de calor, umidade e luz. Os tipos Scarlet Star e Guzmanis Lingulata produzem belas flores laranjas e vermelhas.

A Tillandsia, como a Guzmania, é uma epífita que usa suas raízes para aderir a outras plantas. É nativa de climas secos e desertos e é encontrada nos Estados do Sul do Texas até a Flórida. A variedade de folhas espessas se adapta melhor em áreas secas, enquanto a variedade de folhas finas exige chuva. A Tillandsia pode sobreviver a temperaturas frias, mas é sensível à geada. Suas flores marcantes começam com a cor verde e, eventualmente, ficam vermelhas.

A Aechmea também é uma epífita. Mais de 140 variedades são encontradas desde o México até a América do Sul. A Aechmea Fasciata é conhecida como uma planta de interiores, e às vezes é comercializada como Billbergia rhodocyanea, e tem folhas verdes largas com faixas de prata e flores de lavanda-azul. O nome Aechmea vem da palavra grega para "ponto", neste caso referindo-se as sépalas pontiagudas, folhas modificadas que formam o cálice, que protege a flor.

Bromélias individuais populares

A pequena e robusta Neoregelia tem folhas coloridas em uma variedade de formas e flores azuis brilhantes nas copas do centro, ela é cultivada no solo e pode sobreviver a calor, frio, baixa umidade e luz solar intensa.

A Cypthathus ou "Black Mystic," cresce no solo e tem folhas suculentas em faixas com bronze, branco ou rosa. As folhas têm as margens onduladas e dentes. Elas podem sobreviver em diversas temperaturas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível