Doenças em um yorkshire toy

Escrito por jennifer mackin | Traduzido por carla oliveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Doenças em um yorkshire toy
Um yorkshire terrier toy (yorkshire terrier running image by Bergmeister from Fotolia.com)

O yorkshire terrier toy é um cão ativo, brincalhão, inteligente e independente, além de ser uma das raças mais populares de cães. Embora seja geralmente um animal saudável, como todas as raças, ele é suscetível a determinadas doenças.

Outras pessoas estão lendo

Doença de Legg-Calve-Perthes

De acordo com o Central Florida Yorkshire Terrier Club, a doença de Legg-Calve-Perthes é hereditária em alguns yorkies toys. Os sintomas podem começar por volta de 4 a 12 meses. Essa é uma doença da articulação do quadril e pode causar deformação das juntas. A doença desliga o fornecimento de sangue à cabeça do fêmur. O osso morre lentamente, fazendo com que a cartilagem se deforme. A artrite do quadril resultada dessa deformação. Os sinais da doença incluem dificuldades ao andar, mastigar e dor ao mover a perna. Se detectada precocemente e tratada com repouso, a perna pode ser curada. Contudo, em fases posteriores, uma cirurgia pode ser necessária.

Colapso traqueal

De acordo com a Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade de Tennessee, uma condição comum em um yorkie toy é o colapso traqueal causado pelo enfraquecimento do anel traqueal. Os sintomas incluem tosse que piora no clima quente ou durante o exercício. A falta de oxigênio também pode fazer com que o animal desmaie. Um veterinário pode prescrever antitussígenos e antibióticos. Alguns esteroides são necessários para ajudar no processo de recuperação.

Patela deslocada

Essa é uma doença hereditária em yorkies toy em que a patela desliza para fora do lugar, muitas vezes retornando por conta própria depois. No entanto, por vezes, um veterinário pode ter que colocá-la de volta no lugar. De acordo com Wendy Brooks, Diretor Educacional no Veterinary Partners, após esse acontecimento, o yorkie pode mancar ou segurar a perna no ar recusando-se a colocar pressão sobre o membro.

A hipoglicemia

Baixo nível de açúcar no sangue afeta muitos yorkies toy. Se um yorkie estiver experimentando hipoglicemia, ele se tornará fraco e pode ser incapaz de ficar de pé. Ele também pode tremer e ter uma convulsão. Wendy Brooks, Diretor Educacional no Veterinary Partners, informa que, durante um ataque, é indicado esfregar açúcar -- na forma de xarope ou geleia -- nas gengivas. Se o cão não responder ao açúcar, leve-o imediatamente a um veterinário. Certifique-se de mantê-lo aquecido, mantendo-o próximo ao seu corpo.

Displasia retinal

Segundo o site Natural Health Dog Remedies, outra doença hereditária da raça yorkshire toy é a displasia da retina, uma anormalidade da retina. Se ela for suave, não causa ao cão quaisquer problemas. No entanto, grandes áreas de desbaste e separação da retina podem causar problemas de visão e até mesmo cegueira. Infelizmente, não há cura ou tratamento.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível