Que tipo de entretenimento os romanos antigos gostavam?

Escrito por justin beach | Traduzido por natalia peres
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Que tipo de entretenimento os romanos antigos gostavam?
O Circus Maximus, originalmente um campo de treinamento militar, era um local popular para esportes em Roma (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Apesar de uma forma de entretenimento para os antigos romanos ter sido o infame Coliseu e seus gladiadores, um espetáculo popular na Roma, os antigos romanos também apreciavam uma ampla gama de outros esportes, teatro, música e jogos. Outras cidades do Império Romano também tinham locais onde aconteciam espetáculos. O Coliseu foi apenas o maior e mais famoso.

Outras pessoas estão lendo

Coliseu

O Coliseu, construído pelo imperador romano Vespasian, foi originalmente chamado de Anfiteatro Flaviano. Ele precisou de dez anos para ser construído e da ajuda de 40 mil pessoas. O Coliseu e arenas similares na Roma antiga eram algumas vezes casas de jogos, esportes ou música, mas tipicamente eram usados para espetáculos maiores. Eles incluíam combates de gladiadores, tanto apenas entre homens como entre homens e animais, como leões e outros predadores. Outros espetáculos populares incluíam a representação de várias batalhas famosas da história romana e o esporte muito perigoso de corrida de carro de guerra romano.

Teatro

Os gregos tiveram uma forte influência no teatro romano. Os primeiros teatros romanos se apoiavam fortemente em contos religiosos, políticos e militares. Esses eram especialmente proeminentes em épocas de festivais e celebrações. Mais tarde, as peças romanas passaram a incluir tanto comédias quanto tragédias. Diferente do teatro moderno, cada parte de uma peça romana tinha tipicamente dois atores. Um deles lia as falas da peça e o outro representava os gestos e ações do personagem. As peças no teatro romano eram representadas por homens e tipicamente se utilizavam máscaras para representar os vários personagens da história.

Terapia musical

A Roma antiga é considerada o berço tanto da música clássica quanto da ópera. Os romanos gostavam de orquestrar, companhias de ópera, coros e conjuntos de câmaras. As performances orquestrais frequentemente envolviam dançarinos, que, diferente do teatro, incluíam mulheres e romanos ricos. Os antigos romanos tinham música ao vivo tocada para acompanhar as refeições. Os instrumentos musicais na Roma incluíam a harpa, a lira, as flautas, os sinos, os trompetes, as cornetas e os tambores. Eles também tocavam pequenos instrumentos como o pandeiro, o chimbal e o crotalum, semelhante à castanhola. Os romanos também gostavam de um instrumento chamado "hidraulus", também conhecido como órgão d'água. Ele consistia em uma fileira de tubos preenchidos em vários níveis com água, tendo ar empurrado através deles pelo fole.

Esportes e jogos

Os homens romanos participavam de uma variedade de esportes como corrida à pé, tiro com arco, luta, esgrima e natação. No campo eles caçavam, pescavam e andavam a cavalo. Os romanos também jogavam dados e um jogo similar ao xadrez. As crianças brincavam com pipas, balanços, animais esculpidos, topos de madeira e um jogo chamado "pega ossos" semelhante ao "cinco marias". Eles também brincavam de guerra com espadas e escudos de madeira. As bonecas romanas eram feitas de barro, cera ou trapos, algumas até tinham juntas trabalhadas em seus braços e pernas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível