Estilos de pintura de vasos gregos

Escrito por jennifer volino | Traduzido por elisa silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Estilos de pintura de vasos gregos
As cores mais comuns em vasos gregos são preto e vermelho (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

Famosos por seus detalhes e pinturas distintivas, os vasos gregos são, talvez, um dos tipos mais antigos de arte escultural, datando antes até da Idade do Bronze, em 3000 AC. Há muitos desses fabulosos remanescentes para estudar, além do material usado em cerâmica resistir bem aos efeitos do tempo, deixando-nos com as mais antigas pinturas clássicas na história.

Outras pessoas estão lendo

Geométrico

A cerâmica geométrica floresceu no nono século AC. Começou com com formatos grosseiros, abstratos e repetitivos, usando uma grande quantidade de verniz preto que depois se transformou em uma variedade de animais, como cavalos, veados, cabras e gansos, geralmente aparecendo em faixas paralelas. Muitos pintores desse período evitavam deixar espaços vazios e geralmente decoravam com motivos lineares.

Estilo oriental

Entre 725 e 600 AC, o comércio entre a Grécia e o Oriente médio era forte, e a influência artística se mostrava especialmente na arte cerâmica. Esse estilo celebrava desenhos mais curvilíneos e criaturas fantásticas, como esfinges, grifos e sereias. Plantas exóticas e flores também prevaleciam, aparecendo com mais frequência que a figura humana.

Pintura negra

O estilo de cerâmica pintura negra foi popular entre 620 a 480 AC. Esse estilo apresentava silhuetas entalhadas de animais e figuras humanas, em um tratamento paralelo de um friso. Antes de ir ao forno, as figuras e temas eram aplicados com engobe, para então se tornarem pretas, e o fundo continuaria da cor da argila. Pintores de vasos articulavam formas individuais marcando o engobe, uma técnica que ficou famosa em Atenas, onde foi reconhecida a primeira evidência de assinatura artística em cerâmicas.

Pintura vermelha

A pintura vermelha foi inventada no sexto século AC e floresceu rapidamente conforme os artistas viram a possibilidade de pintar diretamente no vaso com detalhes de pinceis, evitando o processo trabalhoso de entalhar usado na pintura negra. Isso criou novas formas de expressar detalhes anatômicos e focar na perspectiva. As gravuras decorativas na pintura vermelha continuaram da cor da argila e o fundo se tornou preto. Essa é a forma mais popular e reconhecida das pinturas de vasos gregos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível